domingo, 31 de agosto de 2014

Acela Amtrak - Connecticut

Trem Amtrak Acela numeração 2007 em Stamford, Connecticut nos Estados Unidos da América, a empresa Amtrak planeja aumentar sua capacidade de transporte de passageiros de alta velocidade, os trens Acela conseguem atingir uma velocidade de até 250 km/h, um projeto em andamento vai permitir em alguns trechos determinados alcançar a velocidade de 275 km/h. Fonte: Amtrak

sábado, 30 de agosto de 2014

Train à Grande Vitesse - TGV

As estações estão no centro de Paris, os trens são de uma pontualidade incrível, a classe econômica é confortável, os banheiros limpos e, o mais importante, os franceses possuem o TGV - Trem de Grande Velocidade. Quer dizer 3 horas de Paris a Marseille sem stress algum.

Viajar de trem na França com a beleza das estações ferroviárias de Paris, uma arquitetura tão majestosa para acolher viajantes apressados. Elas datam do início do século XIX e, quando inauguradas, o trem representava um meio de transporte revolucionário para a época. Representava também o meio de transportes das elites, como o avião é o meio de transporte das elites hoje.

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Nova Linha do Trem de Alta Velocidade Hokuriku Shinkansen

A East Japan Railway e a West Japan Railway anunciaram a introdução de uma nova linha de shinkansen (trem- bala) no dia 14 de março de 2015.

A nova linha Hokuriku Shinkansen conectará Tóquio e Kanazawa e o percurso levará em torno de 2 horas e meia. A linha será uma extensão da rota Tóquio- Nagano, inaugurada há 17 anos.


Os testes de controle foram iniciados em dezembro de 2013. O Presidente da East Japan Railway, Tetsuro Tomita, disse que a função da nova linha é aumentar o número de passageiros que utilizam os serviços de trem- bala para turismo e negócios.

As operadoras asseguraram que os testes e checagens necessárias estarão finalizados antes da linha entrar em serviço, informou Tomita. A linha Hokuriku vai reduzir o percurso entre Tóquio e Kanazawa em 80 minutos.

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Novos trens coreanos chegam a Estação de Seul

A Coreia do Sul está colocando em operação novos trens que alcançam uma velocidade de até 150 km/h. A foto mostra os novos trens na estação ferroviária de Seul. Os novos trens substituem antigas locomotivas e vagões de 40 anos de operação.

A Coreia também inovou no transporte de trens alta velocidade, diminuindo o tempo de viagem entre as principais cidades Coreanas, os trens ganharam a sigla KTX. Foto: Efe

Trem de Alta Velocidade em Hangzhou

Há três estações ferroviárias em Hangzhou, a estação ferroviária de Hangzhou, Estação Ferroviária do Sul e da Estação Ferroviária Leste. A Estação Ferroviária de Hangzhou é a maior, que opera principalmente os trens que chegam à cidade como uma estação terminal. A Estação Ferroviária do Sul abriga principalmente os trens que passam pela cidade.

A Estação Ferroviária Hangzhou está localizada no centro da cidade em Huan Cheng Dong Lu, Shangcheng District. Esta estação foi reconstruída e reabriu sua operação dia 28 de dezembro de 1999. A estação é apoiada principalmente pela estrada de ferro Hu-Kun (Shanghai-Kunming) e o Xuan-Hang (Xuancheng-Hangzhou) Railway. Os trens conectam Hangzhou com mais de 30 grandes cidades da China, inclusive a bala em Beijing, Shanghai, Nanjing, Fuzhou, Nanchang, Xiamen, Ningbo, Jinhua, Wenzhou, Yiwu, Cangnan e Quzhou.Atualmente, existem cerca de 105 comboios programados parando diariamente. Fonte: CRH

terça-feira, 26 de agosto de 2014

Alta Velocidade - Trenitalia

A Italiana Trenitalia, introduziu um novo serviço ferroviário de alta velocidade em 2009. O serviço que funciona entre Nápoles e Milão, reduz o tempo de viagem de Roma a Milão para três horas e meia.

O trem leva 65 minutos para viajar de Milão a Bolonha, 2 horas 10 minutos entre Milão e Florença, e 4 horas 50 minutos entre Nápoles e Milan (2009). Novas regalias a bordo da linha de alta velocidade incluem gratuitos jornais, bebidas e snacks. Fonte: Trenitalia


Trem AGV Alstom NTV

O presidente da marca lendária Ferrari Luca Cordero di Montezemolo, passa a ser entre os acionistas da primeira operadora privada europeia de trens de alta velocidade, Nuovo Trasporto Viaggiatori (NTV), junto com seu amigo Diego Della Valle, proprietário da empresa de bens de luxo Tod .

Fundada em 2006 como a União Europeia mudou-se para abrir o transporte ferroviário à concorrência no mercado, NTV investiu € 1 bilhão ($ 1,7 bilhão) para agitar a viagem de trem na Itália, com a promessa de viagens rápidas e serviço de luxo sob a marca Italo a partir de março 2012.

Trens de Alta Velocidade Frecciarossa - Itália

Os trens Frecciarossa conectar Turim-Milão-Bolonha-Roma-Nápoles-Salerno. Os trens de alta velocidade atingem velocidades superiores a 354.06 km/h combina com super-freqüência de mais de 72 ligações diárias entre as cidades, algumas das quais são serviço non-stop.

Os trens Frecciargento liga Roma a Veneza, Verona, Bari / Lecce, Lamezia Terme / ReggioCalabria em ambas as linhas de alta velocidade e as linhas tradicionais. Trens Frecciargento pode atingir velocidades de 249.45 km/h.

domingo, 24 de agosto de 2014

Trem Italo de Milão à Nápoles

O Italo não tem locomotiva e o motor é distribuído pelos vagões. Em seu interior oferece três classes de acomodações: Club, Prima e Smart, respectivamente primeira classe, executiva e econômica. Todas oferecem wi-fi e opções de entretenimento e alimentação. Com uma tecnologia chamada UMTS o Italo é perfeito para falar no celular, mesmo quando passa por túneis. Cabos de fibra ótica conectam cada vagão com uma antena satélite o que garante um sinal cristalino. A empresa tem também um portal de internet que mostra cultura, entretenimento e demais informações turísticas sobre cada destino da viagem. Fonte: Italo



Na classe Club, a mais luxuosa do Italo, os passageiros podem se acomodar em poltronas bem confortáveis e com bastante espaço. Dois compartimentos especiais oferecem lugares para famílias viajarem juntas ou para que executivos possam fazer reuniões enquanto viajam. Nessa área do Italo é servido café e são distribuidos jornais e todas as poltronas têm uma tela touch screen onde o passageiro pode assistir TV ou uma seleção de filmes. Podem ser servidas refeições a um custo entre 18 e 22 euros, tanto na classe Club como na Prima. Não existem vagões de restaurante já que no desenvolvimento do projeto a NTV descobriu que os passageiros hoje em dia não querem se separar de sua bagagem por medo de roubos. Existe ainda uma área chamada Relax onde os celulares devem ser desligados.

Shanghai Maglev - China

A linha é operada pela Shanghai Maglev Transportation Development Co., Ltd. O trem pode atingir uma velocidade de 350 km/h em apenas 2 minutos e uma velocidade máxima de 431 km/h. Durante um teste em 12 de novembro de 2003, o trem atingiu a velocidade máxima de 501 km/h. O Xangai Transrapid custou 10 bilhões de yuan (1,33 bilhões de dólares) e 2,5 anos para ser concluída a linha de 30,5 km.

O trem faz um trajeto que vai da estação Longyang Road em Pudong até o Aeroporto Internacional de Pudong - Xangai, em um percurso de aproximadamente 30 km, e um comboio adicional, linhas separadas facilitam a manutenção. O trem demora 7 minutos e 20 segundos para fazer o percurso, a uma velocidade de 431 km/h.

sábado, 23 de agosto de 2014

Estação Barcelona Sants

Barcelona Sants é a estação de trem mais importante de Barcelona. Em Barcelona Sants, os AVEs (o trem-bala espanhol) procedentes de Madri têm sua parada final, além de muitos outros trens, incluindo o trem do aeroporto. Desde de dezembro de 2013 é possível viajar em um trem de alta velocidade entre a Espanha e a França.

Na estação Barcelona Sants estão estacionados um trem TGV da SNCF francês, um trem espanhol AVE 100 I e um trem com configuração acoplado em um doble de 112.

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Eco Amigável Alta Velocidade na Europa - TGV

TGV que significa "trem de alta velocidade" em francês (train à grande vitesse) é uma rede de trens elétricos de alta velocidade que conecta 230 grandes cidades em toda a França e em toda a Europa atingindo velocidades de superiores a 300 km/h.

Viajar de TGV é muito mais ecológico do que os carros, ônibus e aviões. O TGV de Paris a Nantes, na Bretanha, a viagem é confortável, super rápido e relaxante, com vistas panorâmicas sobre a paisagem francesa.


Trem de Alta Velocidade TGV de Dois Andares

Olhando pela janela é certamente um dos maiores prazeres de viajar de trem, e do deck superior de um moderno TGV Duplex a vista é ainda melhor. Trens Duplex operar em várias rotas na Europa, e agora é possível selecionar a sua preferência no momento da reserva.

Quando você chegar a página de vendas, selecione a sua preferência que sua viagem inclui um trem Duplex. Escolha no andar de cima, se você gosta da vista, ou no andar de baixo, se você preferir não subir as escadas. A reserva irá procurar um assento no andar superior ou inferior de acordo com sua preferência.

quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Estação de Colônia na Alemanha

Viaje pela Alemanha de trem e visite o encantador Castelo de Neuschwanstein, absorva a atmosfera animada da Oktoberfest e admire as áreas de grande beleza natural, como a Floresta Negra e o Vale do Reno.

Descubra as incríveis cidades de Berlim, Munique, Hamburgo, Colônia e Frankfurt em trens regionais, de alta velocidade ou noturnos, enquanto aprecia as paisagens pitorescas do país no caminho.


Colônia, também chamada de Köln (alemão) ou Cologne (inglês), fundada pelos romanos, possui mais de dois mil anos de história. Conhecida por sua catedral gótica - a mais popular da Alemanha e uma das mais famosas da Europa - a cidade fica às margens do rio Reno e é uma das maiores da região de Nordrhein-Westphalen (Renânia do Norte-Vestfália) com 1 milhão de habitantes. Vale visitar também os diversos museus, construções históricas e galerias de arte. Além da catedral, Colônia orgulha-se do seu carnaval e das noites agitadas. Experimentar a Kölsch, cerveja produzida na cidade. Fonte: DB

Madrid para Barcelona - Espanha

O trem de alta velocidade espanhol AVE  ultra moderno ganhou 20% dos clientes da Ibéria Airlines, quando começou a rota da capital para o litoral catalão.

Agora também vai para Sevilha e Valência. Ele foi inspirado no TGV francês e funciona em velocidades semelhantes, sua velocidade máxima pode atingir em velocidade de cruzeiro até 300 km/h.



Trens de Alta Velocidade Tóquio - Japão

Muitas vezes visto como o pioneiro das ferrovias de alta velocidade, uma tradição que parece ter a intenção de manter por longos anos. No Japão o trem de alta velocidade o trem bala super rápido o E5 Shinkansen.

O "trem-bala" é executado na mais movimentada linha de alta velocidade do mundo, com a maior parte dos passageiros que passam entre Tóquio e Osaka. Sua velocidade máxima de cruzeiro pode alcançar até 321.87 km/h.

terça-feira, 19 de agosto de 2014

Automotriz de Grande Velocidade - AGV Alstom

O NTV - Nuovo transporto Viaggiatori é o primeiro operador privado na rede ferroviária italiana de alta velocidade e a primeira operadora do mundo a usar o novo trem Alstom AGV, que detém o recorde de alta velocidade. O NTV com sua frota de 25 trens mais modernos da Europa Italo, vai viajar com ricas experiências e serviços de entretenimento.

A combinação desta inovação tecnológica com materiais e sistemas de tração, tornou possível para aumentar a eficiência o trem oferece altíssimo desempenho ambiental, com energia de consumo reduzido em 15%.



Shinkansen no Japão os trens de alta velocidade

Ao viajar ao Japão, você pode usar trens de alta velocidade Shinkansen. Mas os trens-bala não são apenas meios de mobilidade, mas também obra prima da tecnologia japonesa. Definitivamente a Estação JR Himeji, não no interior dos trens, é um dos melhores lugares para sentir a tecnologia, a alta velocidade do Shinkansen. Na plataforma da estação, você pode olhar de perto "Nozomi" ou trens "Mizuho" passar rápido demais, a velocidade de 300 quilômetros por hora

Uma razão óbvia é que as diferentes velocidades máximas são definidas para as diferentes áreas. Entre Tóquio e Osaka, a leste do Japão, a velocidade máxima é limitada a 285 km/h com a finalidade de segurança. Por outro lado, entre Osaka e Hakata, oeste do Japão, a velocidade máxima é de 300 km/h, velocidade máxima em operação comercial hoje.


Além disso, a faixa em torno de Himeji Sta. é longa e reta para que os trens Shinkansen pode facilmente chegar à velocidade máxima, de 300 quilômetros por hora. Embora existam alguns outros longas retas, a oeste, a maioria deles estão nos túneis e nas pontes da via, é muito perigoso, ou inconveniente para apenas observar os trens passando.

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Trem de Alta Velocidade Eurostar

Provavelmente a melhor ligação de transportes entre a capital da Inglaterra e a capital da França e da Bélgica é o trem de alta velocidade. Londres até Paris e Bruxelas de trem faz-se rapidamente num trem de alta velocidade e com uma duração de aproximadamente 2 horas e Bruxelas em apenas 1 h e meia. Em Londres, o Eurostar sai da Estação de St Pancras, em Paris chega na Estação da Gare du Nord, no centro da cidade, e em Bruxelas na Estação Midi/Zuid.

O trem Eurostar parte a cada hora ao longo do dia numa viagem de apenas 2 horas e 15 minutos fazendo o percurso Londres até Paris passando pelo Canal da Mancha. Neste trajeto há algumas linhas especiais de alta velocidade em que o Eurostar chega a atingir os 300 km/h.

domingo, 17 de agosto de 2014

Congresso em Goiânia - Implantação de trens de alta velocidade no Brasil e em Portugal

Diante do desafio de melhorar a infraestrutura do país e, ao mesmo tempo, garantir um futuro sustentável, a Associação Brasileira de Mecânica dos Solos e Engenharia Geotécnica, por meio de seu Núcleo Regional Centro-Oeste, está organizando, entre os dias 9 e 13 de setembro, o Cobramseg 2014 – Congresso Brasileiro de Mecânica dos Solos e Engenharia Geotécnica – com o tema “Infraestrutura de um Futuro Sustentável”.


O Congresso Cobramseg 2014 acontece de 9 a 13 de setembro, no Centro de Convenções de Goiânia - Rua 4, 1400, Centro, Goiânia/GO Brasil. Inscrições e mais informações no site: www.cobramseg2014.com.br.


O Congresso Luso-Brasileiro de Geotecnia já é uma tradição da ABMS (Associação Brasileira de Mecânica dos Solos e Engenharia Geotécnica). Ele acontece a cada dois anos, no Brasil e em Portugal, alternadamente, e são convidados especialistas de ambos os países para trocar experiências. Este ano, o tema do Luso-Brasileiro será “Geotecnia em Obras MetroFerroviárias". Contratantes, executores, projetistas, consultores e os responsáveis pelas principais obras de infraestrutura do Brasil e de Portugal estarão presentes.

O destaque do evento será a mesa-redonda sobre a implantação de trens de alta velocidade (TAVs) nos dois países. A experiência europeia e as obras previstas para Brasil e Portugal estarão em pauta. No Brasil, o TAV que ligará as cidades de Campinas, São Paulo e Rio de Janeiro já está em fase de licitação e o projeto para ligar Brasília e Goiânia está em fase de discussão preliminar. Já em Portugal, os principais projetos de trens de alta velocidade são Lisboa-Madri, Lisboa-Porto e Porto-Vigo. Fonte: Cobramseg Foto: Tav Trilhos

sábado, 16 de agosto de 2014

Uma ideia diferente de alta velocidade - Trem Alstom Pendolino

A circulação de trens de alta velocidade normalmente requer declives suaves e a existência de grandes curvas de raio. Isso pode se tornar um investimento muito caro quando o traçado é inadequada para este tipo de infraestrutura.

A solução Alstom permitiu que qualquer país, independentemente da sua geografia, para ter acesso ao transporte ferroviário de alta velocidade necessária uma solução inovadora. A tecnologia de inclinação desenvolvido pela Alstom com a sua plataforma Pendolino torna possível, em pistas já existentes, inclinar os trens nas curvas para manter a velocidade, preservando o conforto dos passageiros. Em termos de investimento, esta é a solução mais competitiva no mercado de alta velocidade.



sexta-feira, 15 de agosto de 2014

TGV de Cargas mais rápido do mundo

Trem de alta velocidade de carga expresso opera na Estação Internacional de St. Pancras na Inglaterra. O TGV visitou Londres em uma viagem feita sob condições de teste em 2012. Este trem, que atinge 300 km/h, é o trem de cargas especiais como serviço de postagens, mais rápido do mundo e deve tornar-se uma visão comum no Reino Unido no prazo de cinco anos.

 Ele atualmente roda em toda Europa continental que liga aglomerações urbanas com aeroportos, irá  contribuir na diminuição de caminhões nas estradas e eliminando a necessidade de vôos de carga de curta distância. A foto abaixo mostra o TGV em manobra. Fonte: SNCF


Sendo rebocado em manobra


quinta-feira, 14 de agosto de 2014

Trem de alta velocidade confortável através da Espanha

O trem Alvia é notável para uma variedade de razões primeiro, é um novo trem de alta velocidade que atinge velocidades de até 155 mph, considerando essa linha, realmente se estende por uma enorme área de território espanhol, não é apenas conveniente, mas uma ótima maneira de passar mais tempo e de qualidade nos lugares que você está visitando. Atravessando um dos maiores países da Europa, você vai encontrar rotas que são executados a partir de Alicante para Gijón e Santander, Madrid para Alicante, Bilbao, Cádiz, Gijón, Huelva, Logroño, Pamplona, ​​Santander, e Vitória, San Sebastián de Irún, Valencia para Castellón e Barcelona para Bilbao, Gijón, Irún, Vigo e La Coruña. Fonte: Renfe

quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Túnel do Canal da Mancha fez seu 20º aniversário

Vinte anos atrás, a rainha Elizabeth II e o presidente Francois Mitterrand enfrentaram a garoa para cortar a fita inaugural do Túnel do Canal da Mancha, realizando um sonho de séculos de ligação entre a França e a Grã-Bretanha sob o mar.

O projeto mobilizou 12 mil engenheiros, técnicos e trabalhadores para criar o maior túnel submarino do mundo ao longo de quase 38 quilômetros do norte da França e no sul da Inglaterra, ganhando o "Prêmio Global de Engenharia do Século" pela Federação Internacional de Engenheiros.


Em 2013, a Eurotúnel - que emprega cerca de 3.700 pessoas - teve um lucro líquido de 101 milhões de euros (140 milhões dólares), o que levou o presidente-executivo Jacques Gounon a dizer: "Pela primeira vez na história do Eurotúnel, pensamos que a situação do grupo é completamente satisfatória. "

A construção durou seis anos, custou cerca de 15 bilhões de euros e viu trabalhadores escavar três túneis um para cada sentido e um no meio de serviço.

Em um momento histórico, um trabalhador britânico e francês apertaram as mãos em dezembro de 1990 no túnel de serviço, cerca de 100 metros sob o Canal da Mancha.

O túnel foi inaugurado em 1994 e, seis meses depois, o primeiro trem de passageiros Eurostar percorreu sua extensão.


Pedidos de compras de trens da Alstom cresceram no primeiro trimestre de 2014

A Alstom disse que as vendas de seus trens saltou 16% no primeiro trimestre de 2014 e que está otimista sobre as perspectivas para a divisão, ressaltando a decisão da empresa de se concentrar em seu negócio de transporte e venda de seus ativos de energia.

A fabricante francês trem disse que os pedidos dobraram nos três meses até junho, impulsionado pelo contrato da África do Sul, apesar que seu negócio de equipamentos de energia, que representam a maioria de suas vendas, caiu 3%.

"Embora o nível de crescimento orgânico desenvolvido no transporte no primeiro trimestre não devem ser extrapolados para o restante do ano, as vendas devem crescer a um ritmo sustentado este ano beneficiando especialmente a partir da execução de sua carteira de registro", disse a empresa em um declaração.


Trem de Alta Velocidade TGV - Oeste da França

Um trem de alta velocidade TGV modelo Atlantic, passa pelas duas partes de um viaduto em construção, em 27 de janeiro de 2014, em La Milesse. 

O Viaduto de la Courbe com 374 metros de comprimento, fica localizado no Oeste da França, o trem pertence a empresa francesa SNCF, os TGV's ligam boa parte de toda Europa. Crédito da foto Jean François Monier


terça-feira, 12 de agosto de 2014

A Alstom deve entregar 55 novos trens a partir de 2015

A Alstom e SNCF assinaram um acordo de exercer uma opção de compra em 2007 para 40 Euroduplex trens de alta velocidade. Os novos trens vão adicionar capacidade extra a rede interurbana da França e, eventualmente, o transporte de passageiros em novas rotas a partir de Paris a Barcelona e Zurique.

A Alstom até agora entregou 21 trens de 2 andares para servir linhas de alta velocidade da França. Em 2007 a SNCF fez uma encomenda de 55 trens com opção para 40 veículos adicionais. Os trens extras já foram confirmados e deverão ser entregues entre 2015 e 2019.


domingo, 10 de agosto de 2014

Trem de Alta Velocidade KTX 2 na Coreia

Uma das formas mais convenientes para viajar entre cidades na Coréia é pela estrada de ferro. Os horários de ônibus podem variar de acordo com o tráfego, mas nunca é o caso da estrada de ferro. Os trens operam em horários fixos, que permitem que os passageiros cheguem ao seu destino a tempo. 

A Coreia classifica os trens com base em sua velocidade e as comodidades oferecidas a bordo. Existem três classificações: KTX trens expressos, e os não trens expressos Saemaeul e Mugunghwa. Os preços dos ingressos dependem da classificação do trem.

Existem duas principais ferrovias na Coréia: a Linha Gyeongbu conectar Seul para Busan, ea Linha Honam da Estação de Yongsan, em Seul para Mokpo. Outras ferrovias incluem as linhas de Jeolla e Gyeongjeon, que atingem áreas como Yeosu ou Changwon. Vale a pena notar que a passagem de KR, um passe de trem exclusivo para estrangeiros, que permite o uso ilimitado de trens, incluindo KTX trens expressos, para um certo número de dias, já está disponível a um preço acessível.

sábado, 9 de agosto de 2014

Governo prepara mudança no traçado do trem de alta velocidade

O Tribunal de Contas da União (TCU) determinou que a futura licitação do projeto, caso ocorra, seja feita com base em um novo estudo de viabilidade técnica, financeira e ambiental.

O Valor apurou que técnicos da Empresa de Planejamento e Logística (EPL), estatal responsável pelo trem-bala, estão revisando o traçado da estrada de ferro com o objetivo de identificar ganhos de eficiência que tornem mais atrativo o leilão do empreendimento. Há, no entanto, clareza de que a mudança também pode encarecer o projeto. 


Relatório do ministro Benjamin Zymler ressalta que o estudo do trem bala encontra-se atualmente com defasagem aproximada de cinco anos, o que pode comprometer a viabilidade de uma nova licitação. Considerando a baixa probabilidade de o certame ocorrer neste ano, a defasagem será ainda maior, alertou.

O TCU considera a cifra de R$ 19 bilhões para o investimento de trem de alta velocidade, montante que inclui a construção da ferrovia e a aquisição do material rodante. De acordo com a avaliação o tribunal, um novo estudo vai gerar "custos consideráveis para o poder concedente e demais entes públicos envolvidos". O TCU ressalva, porém, que um estudo defasado traria insegurança ao leilão e risco de afugentar investidores. Fonte: Valor Econômico

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

Investidores chineses interessados ​​em construir e financiar Moscow-Kazan HSR

Investidores chineses demonstraram interesse em financiar e construir uma ligação ferroviária de alta velocidade entre Moscou e Kazan. Alexander Misharin, o primeiro vice-presidente da Russian Railways (RZD) e diretor da RZD, uma subsidiária da Russian Railways, manteve conversações com empresas de investimento e de construção chinesas, incluindo a chinesa Railway Engineering Corporation (CREC), que foi responsável pela construção a Ferrovia Qinghai-Tibet, a mais alta ferrovia do mundo, e o Datong-Qinhuangdao Ferroviária a mais longa ferrovia.

terça-feira, 5 de agosto de 2014

A China também utiliza trens da Siemens

A Siemens assinou um contrato de US $ 1 bilhão para construir 100 novos trens de alta velocidade para a China. O Trem Velaro da empresa tem uma velocidade máxima de 350 km/h. Um trem típico terá 16 carros e poderá transportar mais de 1000 passageiros. Os novos trens serão maiores unidades de alta velocidade, único do mundo em uso, de acordo com a Siemens.


Japão e países europeus como a França têm tido sistemas de trem de alta velocidade ao longo de décadas. Mas agora a corrida para construir esses comboios duas das principais economias mundiais, a China e os EUA, estão na corrida, a China está na frente com milhares de quilômetros.

domingo, 3 de agosto de 2014

Primeira linha ferroviária de alta velocidade do México entra em edital

O governo mexicano publicou um concurso internacional para a construção de uma linha ferroviária de alta velocidade de 210 km entre Cidade do México e Querétaro.


O Ministério do México das Comunicações e Transportes (SCT) lançou o concurso desta semana. O governo mexicano espera que o projeto para começar este ano e estar pronto para o serviço de passageiros até meados de 2017.

Com uma velocidade de até 300 km/h, o corredor vai reduzir o tempo de viagem para as cidades em duas horas e criar 20 mil empregos diretos, indiretos e 41.000 em toda a sua construção.


sábado, 2 de agosto de 2014

SNCF sente os efeitos da greve ferroviária francesa

Greves ferroviárias em junho tem sido atribuída a uma queda nos lucros da SNCF, no primeiro semestre de 2014.

Operadora ferroviária nacional da França viu os lucros operacionais em queda de € 229.000.000, dos quais SNCF acredita € 170.000.000 foi perdida durante a ação industrial de junho e o restante o resultado do aumento das taxas de acesso à pista.

O resultado líquido situou-se em € 224, para baixo de € 865.000.000 em 2013. No entanto, o resultado de 2013 foi impulsionado por um off write-back de ativos SNCF Infra.

Volume de negócios do grupo da SNCF aumentou 0,8 %, para € 16 bilhões. Keolis experimentaram o crescimento mais significativo, com o aumento das receitas a nível nacional de 6,8 % e internacionalmente em 14 %.

No entanto, os serviços de TGV e interurbanos continuou a lutar, registrando uma queda de 3,1 % em receita.

Guillaume Pepy, presidente da SNCF, disse: "Enquanto a economia ainda é lento na França, a SNCF mostra a sua capacidade de superar para manter suas margens por meio de constantes esforços para reduzir custos."

Fonte: GRNews
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...