sábado, 29 de novembro de 2014

Trem de Alte Velocidade Zefiro da Bombardier

Líder em tecnologia Rail Bombardier Transportation fornece trens também para Itália, o Frecciarossa trem de alta velocidade em seu local de Vado Ligure, na Itália. Construído pela Bombardier Transportation e seu parceiro de consórcio Ansaldo Breda da Itália, o Frecciarossa 1000 é o membro da Bombardier Zefiro família de trens de alta velocidade e é conhecido como o V300 Zefiro.

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Alfa Pendular o Pendolino Português

O nome vem de uma tecnologia que simula um pêndulo, possibilitando ao trem realizar curvas fechadas sem diminuir a velocidade, é similar aos trens também chamados de Pendolinos. É possível visitar algumas das principais cidades portuguesas num trem de alta velocidade da empresa CP. O Alfa Pendular é fabricado na Itália pela Fiat. Por causa das condições limitadas das ferrovias em Portugal, só atinge a velocidade máxima de 220 km/h.


A linha Alfa cobre 624 km de norte a sul do país. Liga Braga (no norte do país) a Faro, no litoral sul. Passa por Porto, Coimbra e Lisboa. Seu serviço é simples: áudio, vídeo, cafeteria e fraldário. Oferece opções de refeições especiais, quando solicitados com antecedência. Fonte: CP Portugal

domingo, 23 de novembro de 2014

Shinkansen E6 - Japão

A Série E6 Super Komachi (Vermelho) acoplado com um trem Série E5 Hayate (verde) na Estação de Tóquio com um trem Série E2 na via ao lado. Separadamente, o Super Komachi em viagens a 300 km/h mas, quando acoplado fica um pouco mais lento chegando até 286 km/h. O Japão foi pioneiro na tecnologia em trens de alta velocidade.

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Trem de Alta Velocidade Istambul-Ankara - Turquia

A Turquia inaugurou uma ligação ferroviária de alta velocidade entre Istambul e Ancara, cortando pela metade o tempo de viagem de sete horas entre as duas cidades. O primeiro-ministro Recep Tayyip Erdogan viajou a bordo do primeiro trem no serviço de Ancara, parando em uma cidade a caminho de fazer um discurso de campanha.

As faixas permitem que trens possam atingir velocidades de até 250 km/h. Erdogan. O novo serviço será encerrado no subúrbio de Istambul de Pendik, no lado asiático do Bósforo. O governo planeja construir uma nova ligação ferroviária, sob o Bósforo, para o centro da cidade. Fonte: BBC News


Turquia

segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Passageiros testam trem que atinge 500 km/h no Japão

Cem passageiros participaram no Japão de testes com trens de alta-velocidade 'maglev' - que usam levitação magnética e 'flutuam' sobre os trilhos.

Os novos modelos chegam a até 500 km/h e são ainda mais rápidos que os famosos trens-bala japoneses, que viajam a uma velocidade de 320 km/h.


São mais velozes também que a linha de mag-lev que opera entre o aeroporto de Xangai, na China, e o centro da cidade, que atinge 430 km/h.

O teste foi realizado no trecho de 43 km entre as cidades de Uenohara e Fuefuki, no centro do Japão. Serão oito dias de testes, que terão a participação de 2,4 mil pessoas. Mais de 240 mil haviam se cadastrado para os testes. Fonte: BBC

Eurostar compra sete trens e aumenta destinos na Europa

A Eurostar está gastando 300 milhões de libras (R$ 1,2 bilhão) em sete novos trens. O objetivo é aumentar o número de destinos da empresa com trajetos mais distantes e atrair mais passageiros que, atualmente, optam por viagens aéreas.

Exatamente 20 anos depois do início do trecho ferroviário entre Londres, Paris e Bruxelas, a Eurostar apresentou, semana passada, o novo visual dos trens. O projeto faz parte da estratégia de expansão da frota e que está orçado em 1 bilhão de libras (R$ 4 bilhões).


Nessas duas décadas, a ligação entre as três capitais europeias transformou o transporte local. A Eurostar domina cerca de 80% do mercado entre esses destinos. Segundo a empresa, esse percentual é o dobro do que era logo depois do lançamento.

— Eu não acho que podemos ir muito além disso. O crescimento para nós não está mais dentro de Paris ou Bruxelas, está em outros destinos — disse o presidente-executivo da Eurostar, Nicolas Petrovic.

Nos próximos dois anos, as tradicionais linhas amarelas das laterais do Eurostar serão vistas do norte da França e da Bélgica, até Marselha, no sul do país francês, e Amsterdã, na Holanda.

— Precisamos convencer os passageiros que vale a pena experimentar a nossa companhia e trocar as viagens aéreas pelas ferroviárias. Temos de criar novos mercados que não existem agora — disse Petrovic.

Os novos trens terão assentos maiores, com mais espaço entre uma poltrona e outra, além de Wi-Fi em todos os vagões. Segundo a empresa, o júri que decidirá se a troca da da viagem aérea pela terrestre vale a pena é formado pelos passageiros.

A Eurostar espera que os novos trens possam ajudar a empresa a combater qualquer concorrência futura. A empresa alemã Deutsche Bahn está planejando uma outra rota ferroviária por túnel, que ligará Frankfurt a Londres, via Bruxelas. Fonte: O Globo

domingo, 16 de novembro de 2014

Despache seu carro no trem até a cidade destino

Na Europa existe a possibilidade de colocar na véspera da sua viagem, o seu carro dentro de um trem e no dia seguinte encontrá-lo à sua espera na cidade de destino. Por exemplo, a viagem Paris Marseille de carro dura em torno de oito horas. São oito horas de monotonia, de auto-estradas onde não se vê nada a não ser postos de gasolina. O que faço? Na véspera da viagem entrego o carro à SNCF, no dia seguinte pego o TGV, faço este mesmo percurso em três horas e quando chego a Marseille, meu carro já está lá me esperando. Para um carro de tamanho médio, o preço deste serviço gira em torno de 250 euros. O que eu iria gastar com gasolina e pedágio seria um pouco menos que este valor. Mas o conforto e a segurança desta viagem de train+auto vale a pena o acréscimo no preço.

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Novo Trem Eurostar Design Italiano e Wi-Fi

A Eurostar anunciou uma nova série de trens super-rápidos, uma vez que comemora 20 anos de transporte. O modelo E320 foi apresentado na quinta-feira 12 de novembro  na estação de St. Pancras, em Londres.

Os trens vão viajar a uma velocidade de 320 km/h (menos cerca de 15 minutos nas viagens), a empresa diz que está adicionando sete dos novos desenhos para a sua frota, definido para operação comercial em 2015.


Fonte: Siemens

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Empresas chinesas irão participar de projetos ferroviários de alta velocidade na Índia

Empresas chinesas e indianas irão juntar-se para licitar em conjunto por cinco projetos ferroviários de alta velocidade na Índia, a fim de frustrar os lances japoneses para construir trens-bala. Este movimento é uma reação em direção a recente visita do primeiro-ministro indiano Narendra Modi ao Japão, onde foi prometido apoio técnico, financeiro, bem como operacional para os projetos de trem-bala na Índia. Especulações sugerem que um dos gigantes da China ferroviárias, CSR Corp ou CNR Corp, poderão participar da licitação como potenciais parceiros.

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Trenitalia e NTV - Europa

A ferrovia de alta velocidade na Itália consiste em duas linhas que ligam a maior parte das principais cidades do país. A primeira linha liga Turim a Salerno via Milão, Bolonha, Florença, Roma e Nápoles, a segunda vai de Turim para Veneza através de Milão. As linhas são projetadas para uma velocidade máxima superior a 300 km/h.

O serviço é fornecido pela Trenitalia e pela NTV, que entrou em operação em abril de 2012. Vários projetos estão em andamento para expandir o sistema. Os planos incluem ambas as conexões mais domésticos, como a Genova , e novas ligações internacionais para França, Áustria e Eslovênia.

sábado, 8 de novembro de 2014

Alfa Pendular somou quatro milhões de quilômetros

O primeiro trem alfa pendular a totalizar quatro milhões de quilômetros percorridos saiu de Santa Apolónia às 20h desta quinta-feira e chegada ao Porto prevista para as 22:52 h. O quadrimilionésimo quilômetro foi atingido entre Espinho e Gaia, por volta das 22:40 h.

Este valor é conhecido porque a EMEF, a empresa de manutenção da CP, tem monitorizados todos os quilômetros percorridos pelas dez unidades que compõem a frota de alfa pendulares da empresa.

Designado CPA4003, este trem entrou em serviço em 1999 e, por um mero acaso devido às rotações de material, é o que tem mais quilômetros percorridos. Nos próximos dias os restantes pendulares deverão, também, chegar aos quatro milhões de quilômetros. Fonte: CP

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Ferrovia de alta velocidade entra em operação em Xinjiang

Uma ferrovia de alta velocidade entre Urumqi, capital da Região Autônoma Uigur de Xinjiang, noroeste da China, e a sub-região de Hami, também em Xinjiang, entrará em operação em 16 de novembro, informou nesta quarta-feira (5) a Companhia de Ferrovia da China (CFC).


Os trens-bala operarão a uma velocidade de cerca de 200 quilômetros por hora na etapa inicial da operação. O tempo da trajetória entre Urumqi e Hami será reduzido das atuais cinco horas a cerca de três.

A China começou a construir a ferrovia de 530 quilômetros em janeiro de 2010, parte da linha ferroviária de alta velocidade entre Lanzhou e Xinjiang, que passa pela Província de Gansu, noroeste do país, Qinghai e Xinjiang.

Túnel anti-vento da ferrovia de alta velocidade do Xinjiang


O restante da ferrovia Lanzhou-Xinjiang entrará em operação até o final de 2014.
"A ferrovia de alta velocidade melhorará ainda mais as condições de viagem para todos os grupos étnicos em Xinjiang e também facilitará o desenvolvimento econômico e social na região autônoma", disse a CFC em um comunicado. Fonte: Vermelho

Estações Ferroviárias na China











Trem de Alta Velocidade CRH 380A - China


O trem de alta velocidade chamado de "CRH 380A" liga as cidades próximas de Xangai e Hangzhou, o trem estabeleceu um novo conceito em transporte ferroviário na China. Além disso, como os outros trilhos de alta velocidade em construção na China, este novo trilho é baseado na tecnologia desenvolvida inteiramente na China, que pretende levar ao mundo um desenvolvimento ferroviário de alta velocidade.

Gare TGV Lyon - Saint Exupery

Projetada pelo Arquiteto espanhol Santiago Calatrava, a estação de Lyon na França, com 5.600 metros quadrados se assemelha a um pássaro no momento da fuga e é vista como uma porta de entrada simbólica para a região de Lyon.

O armação em aço atinge quase 40 metros de altura e sua estrutura de concreto refere-se à metáfora de um enorme pássaro com asas espalhadas. Chegando de carro você entra no salão principal através de um "Portal", formado por um pilar de concreto em forma de V que se juntam as extremidades de quatro arcos em aço.


O par do centro de arcos segue a linha do telhado para formar uma espinha, as vigas curvas exteriores abrangem mais de duas asas simétricas envidraçadas. No triangular salão principal da coluna central é formada por três arcos apoiados em conjunto por vigas diagonais. Duas grandes varandas suspensas penetram no espaço.

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Korea Train Express - KTX

O Korea Train Express KTX é um sistema de trens de alta velocidade da Coreia do Sul operado pela companhia Korail. A tecnologia do comboio é baseado no sistema de TGV francês, apresentando velocidades de mais de 300 km/h. Em 16 de Dezembro de 2004 o comboio coreano HSR-350X efetuou uma viagem de testes alcançando os 352.4 km/h.

Após 12 anos de construção, a linha Gyeongbu (ligando Seul até Busan via Daejeon e Daegu) e a linha Honam (Seul paraGwangju e Mokpo) abriram em 31 de Março de 2004, utilizando trens de alta velocidade em apenas parte da linha (Seul-Daegu), a nova linha corta o tempo de viagem entre Seul e Busan dos anteriores 260 minutos para apenas 160 minutos, chegando até 116 minutos. Fonte: KTX

terça-feira, 4 de novembro de 2014

AVE série 102 - Espanha

O trem é apelidado de Pato, devido ao design aerodinâmico dos carros que se assemelham a um bico de pato. O projeto bico reduz o ruído criado pela resistência do ar em altas velocidades.

Os trens da série foram destinados para uma velocidade máxima de 330 km/h. Esta velocidade máxima deveria ser suficiente para cumprir a condição da proposta de um tempo de viagem de 2 horas e meia entre Madrid e Barcelona. Os especialistas atribuem uma redução redução em relação aos planos originais para a razões orçamentais, que derivam os requisitos de energia aumentou fortemente em velocidades ainda mais elevadas. Fonte: Renfe

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

TGV França Itália

TGV França Itália começou a operar em 11 de Dezembro de 2011, todos os dias são oferecidos três tipos serviços que ligam Paris e Milão para Lyon e Turim, do centro de uma cidade a outra. Seguro, confortável e com o melhor preço os trens TGV são a melhor maneira de viajar entre França e Itália.


Rotas e tempos de viagem

Entre França e Itália, com três serviços diários, o trens de alta velocidade que superam velocidades de 280 km/h fazem a viagem entre Paris e Milão em apenas um pouco mais de 7 horas.

Estações:

Paris: Gare de Lyon

Turim: Torino Porta Susa

Milan: Milano Porta Garibaldi

Melhores Tempos de viagem:

Paris-Turim: 5h30

Paris-Milão: 7h10

sábado, 1 de novembro de 2014

Coreano KTX

Coreano trem de alta velocidade KTX (Korea Train Express) sistema de alta velocidade da Coréia do Sul, que é controlada pela Korail. Tecnologia da criação dos comboios é em grande parte baseado no sistema francês TGV, atinge uma velocidade máxima de 350 km/h. O custo do sistema é de US $ 20 bilhões de dólares. Esta linha liga a capital, Seul, com os dois maiores portos do país na cidade de Mokpo, na costa sudoeste e na cidade de Pusan ​​no sudeste. Fonte: KTX

Governo Português considera prioritário conexões ferroviárias de alta velocidade com a Espanha

As decisões do Governo Português sobre as ligações ferroviárias para Espanha. O Governo Português considera investimento "prioridade" na melhoria das ligações ferroviárias com Espanha a partir de 2015. Em 2015 o trabalho começará na linha do solo Português "alta performance" Madrid-Lisboa com conclusão prevista para 2019. Três anos antes, em 2016, espera que a linha Porto-Vigo seja operacional, também incluiu em sua lista de prioridades. O anúncio foi feito pelo Secretário de Estado da Infraestrutura, Transportes e Comunicações Sérgio Silva Monteiro

Assim, a ligação Madrid-Lisboa será de alta velocidade (AVE) no lado espanhol, com capacidade de conduzir a mais de 300 km/h e "alto desempenho" no lado Português, com um máximo de 220 ​km/h. Não será preciso trocar de trem os sistemas devem ser "totalmente interoperável" e permitir a passagem de trens de passageiros e de mercadorias.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...