quarta-feira, 22 de junho de 2016

Tecnologia Tiltronix para o Brasil

Graças a tecnologia de inclinação antecipatória Tiltronix, o trem Pendolino pode viajar mais rapidamente através de curvas em linhas convencionais (35% mais rápido que um trem clássico) e de até 250 km/h nas linhas de alta velocidade, garantindo um excelente nível de conforto dos passageiros no interior, mesmo em trechos muito sinuosos. O trem Pendolino já utilizados em vários países do mundo, poderia ser uma alternativa viável para implantação de trem regional ligando as cidades do Rio de Janeiro e São Paulo, aproveitando a malha já existente, com poucas adaptações.


O Pendolino é o trem de alta velocidade mais vendido do mundo (500 unidades vendidas). Certificado para operar em 13 países, é capaz de cruzar fronteiras durante sua operação. Com um retorno de experiência em operação comercial de 25 anos e um programa de P&D desenhado para otimizar ainda mais sua performance, este trem de alta velocidade da Alstom é capaz de atender às necessidades de todas as regiões ao redor do mundo – incluindo América do Norte, Rússia, Comunidade dos Estados Independentes (CEI) e Ásia – que tenham o intuito de desenvolver transporte de alta velocidade.

O Pendolino foi desenhado para rodar a até 250 km/h em linhas convencionais e de alta velocidade. Seu sucesso está em sua modularidade e flexibilidade. Ele pode ser totalmente customizado, do layout interno ao número de carros (4 a 11), fornecimento de energia, bitola e suspensão. O Pendolino pode ser operado sob condições climáticas extremas (até 45° e -45°C). Também está disponível com a Tiltronix, a tecnologia basculante da Alstom, que permite que o trem incline até 8 graus e ainda rode a 250 km/h, permitindo que ele viaje 30-35% mais rápido que os trens convencionais com mais conforto.

O Pendolino é produzido principalmente na unidade da Alstom em Savigliano, na Itália. A fábrica de Savigliano atualmente está executando contratos para a Polônia e Suíça.

Os trens Pendolinos são utilizados em diversos países como Portugal, Reino Unido, Polônia entre outros. Fonte/Foto: Alstom - Comentários técnicos Silvério Borges, veja a entrega da minuta do projeto ao secretário de transportes do Rio de Janeiro.

A operadora italiana NTV apresenta os Pendolinos do futuro fabricados pela Alstom. Confira o novo design dos novos Pendolinos

Assista o vídeo abaixo e veja como funciona a tecnologia Tiltronix