quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Trens com tecnologia pendular avançando na Europa

Um estudo para implantação para uma rede ferroviária de alta velocidade que liga Auckland, Hamilton e Tauranga foi revelado pelo grupo de transporte, Greater Auckland, que quer o apoio do governo. Será investido US $ 400 milhões em 17 trens de alta velocidade que poderiam viajar 160 km/h em trilhos existentes e ampliar o serviço para o sul até Te Kuiti. 


A etapa final do projeto, trazendo o gasto total para US $ 1,45 bilhões, adicionaria mais 15 trens e se expandirá para Rotorua, Cambridge e Te Puke. "Estas são economias crescentes, esses serviços são uma necessidade real, e há uma população crescente".

Reynolds disse que mais de metade da população do país vivia na área triangular atendida pelo plano, e 70 por cento do crescimento da população futura estarão lá. "Não se trata apenas de começar a trabalhar em Auckland ou Hamilton, mas as viagens intra-regionais também". Fonte: Radionz