Postagens

Shinkansen da série E5

Imagem
O nariz longo "bico de pato" neste Shinkansen da série E5 não é projetado para ajudá-lo a ir mais rápido, ele está lá para minimizar o ruído causado pela entrada e saída de composições em túneis em altas velocidades. Este trem começou suas operações com serviços no recém ampliado Tohoku Shinkansen Linha de Aomori em março 2011 e é capaz de atingir velocidades de 320 km/h, mas até agora tem sido restrito a 300 km/h em serviço regular.

Korea Train Express - KTX

Imagem
O Korea Train Express KTX é um sistema de trens de alta velocidade da Coreia do Sul operado pela companhia Korail. A tecnologia do comboio é baseado no sistema de TGV francês, apresentando velocidades de mais de 300 km/h. Em 16 de Dezembro de 2004 o comboio coreano HSR-350X efetuou uma viagem de testes alcançando os 352.4 km/h. Após 12 anos de construção, a linha Gyeongbu (ligando Seul até Busan via Daejeon e Daegu) e a linha Honam (Seul paraGwangju e Mokpo) abriram em 31 de Março de 2004, utilizando trens de alta velocidade em apenas parte da linha (Seul-Daegu), a nova linha corta o tempo de viagem entre Seul e Busan dos anteriores 260 minutos para apenas 160 minutos, chegando até 116 minutos. Fonte: KTX

Comissão Europeia ligará trem de Lisboa a Paris em setembro

Imagem
Connecting Europe Express terá mais de uma dezena de paragens para mostrar o poder da ferrovia no Velho Continente. Anúncio é feito numa altura em Portugal está sem ligações internacionais por comboio. Comissão Europeia vai ligar Portugal a Paris de comboio em setembro. Bruxelas quer mostrar o papel da ferrovia na região, com uma viagem especial para discutir os desafios deste meio de transporte e como este meio de transporte pode ganhar utilizadores às estradas e ao avião. O projeto foi oficialmente anunciado esta segunda-feira pela comissária europeia dos Transportes, Adina Valean. O Connecting Europe Express - assim se chamará este comboio - vai partir de Lisboa em setembro, passando pela capital da Eslovénia e outras cidades europeias, terminando a viagem em Paris. Portugal e Eslovénia assumem a presidência rotativa do Conselho da UE em 2021; França terá este cargo no primeiro semestre de 2022. Este comboio também vai passar por pelo menos dois países que não integram a União Europ

Expresso do Oriente Viagens em 2021 Novas Rotas

Imagem
Famoso pelo livro da escritora inglesa Agatha Christie, o Expresso Oriente está ampliando suas rotas e estrutura em plena pandemia. Os vagões que remontam às primeiras décadas do século 20 estreiam três novas suítes e terão cinco novos trajetos pela Europa. Roma, Florença, Genebra, Bruxelas e Amsterdã são as cidades que entram nos itinerários do trem, que teve os 17 vagões restaurados. Com a novidade, os viajantes agora conseguem conhecer o Expresso Oriente tanto em viagens rápidas quanto longas. O design dos novos quartos fazem homenagem a três cidades: Viena, Praga e Budapeste. Enquanto a suíte Viena mistura elementos da natureza e da arquitetura com as cores ouro e verde-esmeralda, a Budapeste exibe um design inspirado no Império Otomano e na arte gótica. Praga, por sua vez, apresenta componentes teatrais em tons de ouro e marrom. O Venice Simplon-Orient-Express opera em toda a Europa de março a novembro e faz a viagem completa para Istambul uma vez por ano. Atualmente, as partidas

"Locomotiva a Vapor" ÖBB Áustria

Imagem
As estradas de ferro federais austríacas (em alemão: Österreichische Bundesbahnen, ÖBB) é o sistema ferroviário nacional da Áustria, e o administrador de Liechtenstein ferrovias 's. O grupo ÖBB faz parte integralmente da República da Áustria e é dividido em várias empresas separadas que gerenciam a infraestrutura e operação de serviços de passageiros e de mercadorias. A ÖBB é o sucessor do Bundesbahn Österreich (ÖBB, Ferroviária Federal da Áustria) e que em si foi o sucessor do kkStB (imperiais Real State Railways austríacos). O sistema ferroviário foi incorporado à Deutsche Reichsbahn durante o 1938-1945 Anschluss. Fonte: OBB

Alfa em Testes Operacionais

Imagem
O Japão começou a testar julho/agosto deste ano trem de alta velocidade mais rápido do mundo. Ele é capaz de alcançar velocidades de até 400 km/h, e a expectativa é de que entre em serviço em 2030. Apesar da rapidez, o chamado Alfa-X deve operar a 360 km/h, de acordo com a empresa ferroviária JR East. Mesmo assim, ele ainda seria 10 km/h mais veloz que o chinês Fuxing Hao, que liga as cidades de Pequim e Xangai e atualmente ostenta o título de trem-bala mais rápido do mundo. Para lidar com a enorme resistência do vento ao entrar nos túneis, o primeiro carro do Alfa-X contará com um "nariz" longo e pontiagudo que mede 22 metros. Ao todo, o trem será composto por 10 vagões. Os testes do Alfa-X estão sendo realizados entre as cidades de Aomori e Sendai depois da meia-noite, quando a linha está fechada para operação comercial. Os experimentos serão conduzidos por três anos. Os trens-bala fizeram sua estreia no Japão durante as Olimpíadas de Tóquio em 1964 e se

Estações Ferroviárias pelo Mundo

Imagem
Nos séculos passados, viajar de trem costumava ser a única opção e muito era investido nas estações para parecerem as maiores e mais imponentes possíveis, tornando-se símbolos do império e da riqueza de cada cidade e país. Hoje em dia, muitas estações de trem tornam-se não só um ponto de chegadas e partidas durante uma viagem, mas viram mesmo atrações turísticas por si só. Fonte: TransTrilhos/Divulgação  Estação Central da Antuérpia, Bélgica  Estação de Dunedin, Nova Zelândia  Estação Central de Helsinque, Finlândia  Estação de São Bento, Porto, Portugal  Gare du Nord, Paris, França  Grand Central Station, Nova York, EUA  Union Station, Los Angeles, EUA King’s Cross Station, Londres, Inglaterra  Estação de Sirkeci, Istambul, Turquia  Estação Ferroviária do Rossio, Lisboa, Portugal  Estação de Atocha, Madrid, Espanha  Estação Central de Amsterdam, Holanda  Estação Chhatrapati Shivaji, Mumbai, Índia  Denver Union Station, Colorado, EUA  Halifax Railway Station, Inglaterra  Tren del Fin d

Trens de Alta Velocidade - Cádiz

Imagem
Cádiz é uma cidade espanhola de grande prestígio e reconhecimento internacional. São 157 quilômetros de (bitola ibérica e internacional) via dupla e pelo qual os trens vão funcionar em velocidades de até 250 km/h e 300 km/h de Sevilha.  Falar da história da cidade de Cádis pode-nos levar a um sem fim de palavras, pois, por exemplo, a "Tacita de Plata", é considerada a cidade mais antiga do Ocidente. Desde a fundação de Cádis até aos dias de hoje, ocorreram muitos acontecimentos históricos, muitos com grande relevência. Foram encontrados vestígios de artefactos do período calcolítico, o que evidencia a ocupação humana desta zona desde a pré-história. A cidade de Cádis foi fundada pelos Fenícios cerca do ano de 1100 a.C., sob o nome de Gadir. Devido ao carácter mercantil desta civilização, estes procuravam sempre locais costeiros como pequenas ilhas, com localização estratégica. Gadir converteu-se num importante porto mercantil dedicado ao comércio de matérias pr

Solução inovadora Avelia Pendolino - TrainScanner Alstom

Imagem
A solução de manutenção preditiva da Alstom para material rodante, TrainScanner, entrou em serviço no Centro de Serviços Pendolino de Varsóvia, onde será usada para manter a frota de 20 Avelia Pendolinos operada pela PKP Intercity. O TrainScanner fornece manutenção preditiva e avaliação contínua da condição técnica do material rodante. Graças à análise digital de dados, ele identifica o momento ideal para a substituição de componentes. O sistema implementado em Varsóvia se baseia na longa experiência da Alstom no Reino Unido, onde o TrainScanner tem sido usado na manutenção da frota Pendolino da Avanti West Coast por anos.  “Estamos muito orgulhosos de inaugurar este TrainScanner na Europa continental. É mais um marco para o futuro da mobilidade. Graças a soluções automatizadas baseadas em dados, podemos melhorar continuamente os processos de manutenção preditiva, o que se traduz em benefícios diretos para operadores e passageiros. A avaliação preditiva e baseada nas condições das cond

O irmão mais novo do Alfa - Tecnologia Pendular

Imagem
Com o início do novo cronograma, a NTV conseguiu aumentar o número de serviços diários em sua rede de 56 a 68. A freqüência do trem será intensificada novamente em 2018/19 para 90 trens por dia quando a entrega da frota Evo tiver completada.  Os primeiros quatro dos 17 comboios Evo Pendolino fornecidos pela Alstom ao operador de alta velocidade da NTV, de acesso aberto da Itália, percorre rota entre Roma e Veneza. Os 17 trens ETR 675 Evo estão sendo adicionados aos 25 trens AGV 300 km/h da NTV também fornecidos pela Alstom. "Os 17 novos trens Italo Evo aumentarão nossa frota em 65%", diz o presidente da NTV, Luca Cordero di Montezemolo. "Eles permitirão mais serviços, mais conexões e a chance de recrutar novos funcionários jovens, bem como ter novas linhas e novas paradas. Este é um grande desafio que enfrentaremos com grande entusiasmo, como sempre fizemos ". Os serviços na rota principal de Roma - Milão serão intensificados em 2018/19 de 40 para 50 por

Engenharia portuguesa nos trens mais modernos do mundo

Imagem
A Nomad Tech é uma empresa participada em 35% pela EMEF que exporta serviços para alguns dos caminhos-de-ferro mais desenvolvidos do mundo. Suíços, alemães, noruegueses, ingleses e australianos estão entre os seus clientes. O jovem engenheiro faz zoom e no écran do computador aparece o local exacto onde se encontram naquele momento um conjunto de locomotivas alemãs que andam pela Europa a rebocar comboios de mercadorias: Alemanha, Holanda, Bélgica, República Checa, Polónia. A liberalização tem destas coisas e no centro da Europa é normal haver companhias ferroviárias a atravessarem as fronteiras de vários países. “Podemos ver se estão paradas ou a circular e conseguimos monitorizar vários parâmetros do seu funcionamento para detectar eventuais avarias, ou até antecipá-las e, quando recolherem às oficinas, serem logo resolvidas”, explica o técnico que é um dos 21 funcionários da Nomad Tech, uma empresa de tecnologia de ponta vocacionada para a ferrovia. No pólo da As

Vídeo mostra como será viajar de Hyperloop em 2030

Imagem
A Virgin Hyperloop foi a primeira empresa a realizar testes com passageiros usando os trens de alta velocidade, no fim do ano passado. Agora, a empresa já está imaginando como a tecnologia do Hyperloop vai funcionar no futuro. Em um vídeo publicado recentemente no YouTube, a Virgin Hyperloop apresenta um conceito de "experiência de passageiro". A produção mostra como a companhia vê as viagens com a tecnologia em 2030. O vídeo de aproximadamente dois minutos e meio começa exibindo uma estação do Hyperloop. O local abriga diversas cápsulas pressurizadas, que possuem uma porta conectada ao prédio para que os passageiros possam entrar. O meio de transporte conta com bancos estofados e com algumas tecnologias. Uma base lateral traz suporte para carregamento sem fio e permite alimentar um celular. As poltronas também incluem indicadores digitais mostrando o tempo de duração da viagem. O trem de alta velocidade viaja sem paradas e só diminui a velocidade ao chegar na próxima estaç

Governo prevê alta velocidade Lisboa-Madrid até final de 2023

Imagem
O Governo anunciou hoje estar em construção a ligação ferroviária de alta velocidade entre Lisboa e Madrid, que estará concluída até dezembro de 2023, com o objetivo de “ligar o país” e não apenas as capitais portuguesa e espanhola. “Queria dizer que a ligação entre Lisboa e Madrid está já a ser construída, está em execução. Prevemos, até final de dezembro de 2023, termos uma ligação entre Lisboa e Madrid em alta velocidade”, disse o ministro das Infraestruturas e Habitação, Pedro Nuno Santos, falando numa audição por videoconferência na comissão de Transportes e Turismo do Parlamento Europeu. Respondendo a questões dos eurodeputados sobre a aposta na ferrovia, o responsável ressalvou, ainda assim que “há mais país para além das capitais e que, por isso, a ligação Lisboa-Madrid não é a única prioridade do Governo português”. “Nós não nos podemos esquecer em nenhum momento é que, quando estamos a fazer novas linhas de alta velocidade, a par da nova ligação entre as capitais, temos també

Estação de Trem Floresta - Jiaxing

Imagem
Primeiro, havia a biodiversidade, a floresta, a natureza, os oceanos. Depois veio o homem e a mecanização, a industrialização, o desenvolvimento — todos importantes, sem dúvida, mas todos a roubar, progressivamente, um pouco de espaço aos anteriores. Agora, com o planeta em risco, as apostas do futuro parecem ser um regresso ao ambiente, à floresta, à natureza: ou pelo menos a um compromisso e uma combinação das duas coisas, homem e ambiente. É o caso do projeto megalómano da nova estação de comboios de Jiaxing, na China. Programada para abrir a 1 de julho deste ano ela parece, na verdade, uma estação do futuro. Segundo a “Travel & Leisure”, tudo por “culpa” do design biofílico e da visão do gabinete responsável pelo projeto, a MAD Architects. O objetivo? Trazer a natureza para o primeiro plano, integrá-la com a funcionalidade e o modernismo, manter tudo verde e sustentável. A cidade de Jiaxing fica no sudeste da China e a sua estação chegou a ser das mais utilizadas do país. No en

China revela o comboio mais rápido do mundo - Operação 2021

Imagem
A companhia de caminhos de ferro chinesa (CRRC) anunciou esta quarta-feira que completou a construção do protótipo de um comboio que vai andar a 600 quilômetros por hora, tornando-se o comboio mais rápido do mundo. Este novo comboio utiliza a moderna tecnologia de levitação magnética (maglev), que permite que o comboio ande sem qualquer contato com o chão, o que diminui a fricção e, como consequência, aumenta a velocidade do trem. O lançamento deste comboio está previsto para 2021 e tem como objetivo concorrer com as viagens de avião, que continuam a ser essenciais na China, o terceiro maior país do mundo. Os envolvidos no projeto esperam que este novo comboio revolucione a forma de viajar na China. O responsável pelo projeto, Ding Sansan, disse aos meios de comunicação que o novo comboio fará a viagem entre Pequim e Xangai em três horas e meia. O atual percurso demora, em média, cinco horas e meia. Se a viagem for feita de avião deverá demorar perto de duas horas e meia.

TAV Trem de Alta Velocidade – AVE Alta Velocidade Espanhola

Imagem
A interessante atividade e dinamismo com que os Grupos GETAV + IDESTRA têm periodicamente atualizado e enriquecido o nosso conhecimento ferroviário, teve nos últimos meses a oportunidade de aprofundar as diferentes soluções internacionais ferroviárias de alta velocidade. Diante desta Pandemia que nos obriga o distanciamento físico coube ao IDESTRA a iniciativa de dar sentido e conteúdo às discussões sobre trilhos nos inúmeros grupos de WhatsApp. Quando falamos em trens de alta velocidade, TAG, AVE, TGV, ICE, CRH ou Shinkansen, não estamos falando de nomes, mas de conceitos e do caminho, sempre desafiador, que cada país ou administração tem vivido para tornar realidade a ligação em alta velocidade de seus centros urbanos mais importantes. No caso do AVE, estamos nos referindo a 28 anos de experiência de sucesso, mais de 400 milhões de passageiros, 3.400 km construídos (segundo país do mundo neste quesito desde 2010), 47 destinos, 28 províncias conectadas e 70% da população do país conec

Estação Liège - Bélgica

Imagem
A viagem de Londres de St Pancras para Liège-Guillemins na Bélgica leva pouco mais de três horas, com uma mudança em Bruxelas do Eurostar para outro trem de alta velocidade. É tão rápido, na verdade, você quase sente que está viajando no tempo. Não é apenas porque os carros parecem estar indo para trás quando o trem dispara ao lado de autoestradas. A estação de Liège-Guillemins é uma revelação, tão grande quanto qualquer no sentido de que parece irreal e visionário. Esta estação reluzente, encomendado pela estrada de ferro do Estado belga, é facilmente uma das melhores do mundo, transparente arquitetura sugere abertura, a dissolução de fronteiras, horizontes infinitos, velocidade, graça e facilidade. Sua estrutura aparentemente delicada mas imensamente forte, o trabalho dos engenheiros com valorização de teias de aranha.