sábado, 23 de março de 2019

Alstom ultrapassa 16 fronteiras na Europa

Com a inauguração, em 15 de dezembro de 2013, da linha direta de alta velocidade ligando Paris (França) a Barcelona (Espanha), os trens de alta velocidade da Alstom cruzaram sua 16ª fronteira. A Alstom é a única fabricante do setor metroferroviário que já construiu mais de 1.100 trens interfronteiras de alta velocidade, em operação em 18 países diferentes.

Os trens TGV Duplex e o AVE-S100 que percorrerão a linha Paris-Barcelona foram desenhados e produzidos pela Alstom. O trem de alta velocidade Duplex (dois andares), com a maior capacidade de transporte do mercado, é operado pela empresa ferroviária estatal francesa SNCF.


O AVE-S100, um trem single deck (um andar) de Alta Velocidade (VHS), operado pela empresa ferroviária estatal espanhola Renfe, foi entregue há cerca de 20 anos. A Alstom modernizou os AVE-S100s, adicionando cerca de 15 anos a seu ciclo de vida. Eles foram adaptados pela Alstom e depois homologados para circular na rede francesa.

Para que trens franceses e espanhóis transitem de um país para outro, eles precisam ser interoperáveis. Isso significa que eles precisam se adaptar a várias voltagens de energia, equipamentos de sinalização e especificações técnicas de interoperabilidade (trem, ruído, túneis, etc.) em linha com as exigências da União Europeia. Para isso, a Alstom equipou os trens TGV e AVE-S100 com o Atlas, sua solução ERTMS que permite que os trens compartilhem um sistema de sinalização único em todos os países.

Sobre os trens de alta e altíssima velocidade da Alstom

A Alstom é a única fabricante ferroviária a oferecer três trens de alta velocidade complementares: Pendolino (trem de alta velocidade até 250 km/h, 450 passageiros), Duplex (trem de alta velocidade até 320 km/h, 510 passageiros) e AGV (trem de altíssima velocidade até 360 km/h, 450 passageiros). Um a cada três trens de alta velocidade em circulação no mundo foi fabricado pela Alstom. Os trens já percorreram mais de 5,5 bilhões de quilômetros. O primeiro trem de alta velocidade do mundo a cruzar uma fronteira foi um trem da Alstom, operado pela SNCF, que viajou da França para a Suíça em 1984.

Alta velocidade: de 200 a 300 km/h; altíssima velocidade: a partir de 300 km/h

Entre França e Bélgica, Alemanha, Itália, Luxemburgo, Espanha, Suíça, Reino Unido; Bélgica e Alemanha, Holanda, Suíça e Itália, Alemanha; entre República Tcheca e Eslováquia, Alemanha, Áustria; Finlândia-Rússia; Itália-Eslovênia. Fonte: Alstom