domingo, 13 de junho de 2021

Renfe Velaro atingiu a velocidade de 403,7 km/h

Em 24 de Março de 2001, a Siemens ganhou metade da licitação da RENFE para fornecer 32 trens de alta velocidade para a linha ferroviária de alta velocidade Madrid - Barcelona, ​​oferecendo uma versão modificada do ICE 3 utilizado pela Deutsche Bahn para o seu serviço InterCity Express. As mudanças envolveram uma taxa de aumento para maior potência (8,800 kW ou 11,800 hp) para aceleração mais alta e velocidade máxima para cobrir os 651 km entre Barcelona e Madrid em 2h:30h, a capacidade de operar em uma gama de altas temperaturas e um interior diferente. 


A Classe AVE 103 foi certificada para funcionar a 350 km. Durante os testes entre Madrid e Saragoça, em 16 de Julho de 2006, o trem 005 atingiu 403,7 km/h em testes e ensaios. Este é o recorde nacional atual da dos trens de alta velocidade  na Espanha e também o registro atual de velocidade para um trem normal da série na configuração padrão.

Em 23 de Dezembro de 2005, a RENFE encomendou mais 10 trens idênticos (denominação Siemens Velaro E2). Atualmente, todos os 26 trens de ambos os pedidos na época foram entregues e estão em serviço. Fonte: Renfe


quinta-feira, 20 de maio de 2021

Shinkansen da série E5

O nariz longo "bico de pato" neste Shinkansen da série E5 não é projetado para ajudá-lo a ir mais rápido, ele está lá para minimizar o ruído causado pela entrada e saída de composições em túneis em altas velocidades. Este trem começou suas operações com serviços no recém ampliado Tohoku Shinkansen Linha de Aomori em março 2011 e é capaz de atingir velocidades de 320 km/h, mas até agora tem sido restrito a 300 km/h em serviço regular.



quarta-feira, 5 de maio de 2021

Korea Train Express - KTX

O Korea Train Express KTX é um sistema de trens de alta velocidade da Coreia do Sul operado pela companhia Korail. A tecnologia do comboio é baseado no sistema de TGV francês, apresentando velocidades de mais de 300 km/h. Em 16 de Dezembro de 2004 o comboio coreano HSR-350X efetuou uma viagem de testes alcançando os 352.4 km/h.

Após 12 anos de construção, a linha Gyeongbu (ligando Seul até Busan via Daejeon e Daegu) e a linha Honam (Seul paraGwangju e Mokpo) abriram em 31 de Março de 2004, utilizando trens de alta velocidade em apenas parte da linha (Seul-Daegu), a nova linha corta o tempo de viagem entre Seul e Busan dos anteriores 260 minutos para apenas 160 minutos, chegando até 116 minutos. Fonte: KTX



sábado, 3 de abril de 2021

Comissão Europeia ligará trem de Lisboa a Paris em setembro

Connecting Europe Express terá mais de uma dezena de paragens para mostrar o poder da ferrovia no Velho Continente. Anúncio é feito numa altura em Portugal está sem ligações internacionais por comboio.


Comissão Europeia vai ligar Portugal a Paris de comboio em setembro. Bruxelas quer mostrar o papel da ferrovia na região, com uma viagem especial para discutir os desafios deste meio de transporte e como este meio de transporte pode ganhar utilizadores às estradas e ao avião. O projeto foi oficialmente anunciado esta segunda-feira pela comissária europeia dos Transportes, Adina Valean.

O Connecting Europe Express - assim se chamará este comboio - vai partir de Lisboa em setembro, passando pela capital da Eslovénia e outras cidades europeias, terminando a viagem em Paris. Portugal e Eslovénia assumem a presidência rotativa do Conselho da UE em 2021; França terá este cargo no primeiro semestre de 2022. Este comboio também vai passar por pelo menos dois países que não integram a União Europeia, como Suíça e Sérvia. Fonte: Diogo Ferreira Nunes/Dinheiro Vivo


domingo, 7 de março de 2021

Expresso do Oriente Viagens em 2021 Novas Rotas

Famoso pelo livro da escritora inglesa Agatha Christie, o Expresso Oriente está ampliando suas rotas e estrutura em plena pandemia. Os vagões que remontam às primeiras décadas do século 20 estreiam três novas suítes e terão cinco novos trajetos pela Europa. Roma, Florença, Genebra, Bruxelas e Amsterdã são as cidades que entram nos itinerários do trem, que teve os 17 vagões restaurados. Com a novidade, os viajantes agora conseguem conhecer o Expresso Oriente tanto em viagens rápidas quanto longas.


O design dos novos quartos fazem homenagem a três cidades: Viena, Praga e Budapeste. Enquanto a suíte Viena mistura elementos da natureza e da arquitetura com as cores ouro e verde-esmeralda, a Budapeste exibe um design inspirado no Império Otomano e na arte gótica. Praga, por sua vez, apresenta componentes teatrais em tons de ouro e marrom.

O Venice Simplon-Orient-Express opera em toda a Europa de março a novembro e faz a viagem completa para Istambul uma vez por ano. Atualmente, as partidas de março foram impactadas pelas restrições da pandemia. Os detalhes dos trajetos podem ser conferidos no site oficial. Fonte: UOL/Imagem: Belmond/Venice Simplon-Orient-Express.



quarta-feira, 3 de março de 2021

"Locomotiva a Vapor" ÖBB Áustria

As estradas de ferro federais austríacas (em alemão: Österreichische Bundesbahnen, ÖBB) é o sistema ferroviário nacional da Áustria, e o administrador de Liechtenstein ferrovias 's. O grupo ÖBB faz parte integralmente da República da Áustria e é dividido em várias empresas separadas que gerenciam a infraestrutura e operação de serviços de passageiros e de mercadorias.

A ÖBB é o sucessor do Bundesbahn Österreich (ÖBB, Ferroviária Federal da Áustria) e que em si foi o sucessor do kkStB (imperiais Real State Railways austríacos). O sistema ferroviário foi incorporado à Deutsche Reichsbahn durante o 1938-1945 Anschluss. Fonte: OBB




terça-feira, 2 de março de 2021

Alfa em Testes Operacionais

O Japão começou a testar julho/agosto deste ano trem de alta velocidade mais rápido do mundo. Ele é capaz de alcançar velocidades de até 400 km/h, e a expectativa é de que entre em serviço em 2030. Apesar da rapidez, o chamado Alfa-X deve operar a 360 km/h, de acordo com a empresa ferroviária JR East. Mesmo assim, ele ainda seria 10 km/h mais veloz que o chinês Fuxing Hao, que liga as cidades de Pequim e Xangai e atualmente ostenta o título de trem-bala mais rápido do mundo.


Para lidar com a enorme resistência do vento ao entrar nos túneis, o primeiro carro do Alfa-X contará com um "nariz" longo e pontiagudo que mede 22 metros. Ao todo, o trem será composto por 10 vagões.

Os testes do Alfa-X estão sendo realizados entre as cidades de Aomori e Sendai depois da meia-noite, quando a linha está fechada para operação comercial. Os experimentos serão conduzidos por três anos.

Os trens-bala fizeram sua estreia no Japão durante as Olimpíadas de Tóquio em 1964 e se tornaram um símbolo para o país, onde são vistos até como uma alternativa ao transporte aéreo.


Embora o Alfa-X possa vir a ser o trem mais rápido do mundo, ele pode acabar destronado antes mesmo de entrar em serviço. Isso porque a nova linha maglev está sendo construída para 2027 e promete alcançar uma velocidade máxima de 505 km/h. O trem reduziria o tempo de viagem entre as cidades de Tóquio e Nagoya de 110 minutos para 40 minutos. Fonte: Stuff/Thaís Augusto


sábado, 20 de fevereiro de 2021

Estações Ferroviárias pelo Mundo

Nos séculos passados, viajar de trem costumava ser a única opção e muito era investido nas estações para parecerem as maiores e mais imponentes possíveis, tornando-se símbolos do império e da riqueza de cada cidade e país. Hoje em dia, muitas estações de trem tornam-se não só um ponto de chegadas e partidas durante uma viagem, mas viram mesmo atrações turísticas por si só. Fonte: TransTrilhos/Divulgação



 Estação Central da Antuérpia, Bélgica


 Estação de Dunedin, Nova Zelândia


 Estação Central de Helsinque, Finlândia


 Estação de São Bento, Porto, Portugal


 Gare du Nord, Paris, França


 Grand Central Station, Nova York, EUA


 Union Station, Los Angeles, EUA


King’s Cross Station, Londres, Inglaterra


 Estação de Sirkeci, Istambul, Turquia


 Estação Ferroviária do Rossio, Lisboa, Portugal


 Estação de Atocha, Madrid, Espanha


 Estação Central de Amsterdam, Holanda


 Estação Chhatrapati Shivaji, Mumbai, Índia


 Denver Union Station, Colorado, EUA


 Halifax Railway Station, Inglaterra


 Tren del Fin del Mundo, Ushuaia, Argentina


 Estação de Kanazawa, Japão


 Estação Central de Maputo, Moçambique


 Estação de Haydarpasa, Istambul, Turquia


 Estação Central de Berlim (Hauptbahnhof), Alemanha


 Estação da Luz, São Paulo, Brasil


 Estação Ferroviária de Kuala Lumpur, Malásia


 Gare de Strasbourg, Estrasburgo, França


 Estação Central de Lviv, Ucrânia


 Estação Keleti, Budapeste, Hungria


 Estação Central de Groningen, Holanda


 Estação de Calatrava, Liège, Bélgica


Gare de Limoges-Bénédictins, Limoges, França


 Estação de Hua Hin, Tailândia


 Southern Cross Station, Melbourne, Austrália


Estação da Luz , São Paulo, Brasil