Postagens

Tecnologia sem fio em reboques e manobras

Imagem
Limite suas emissões, aproveite a eficiência com novos padrões na tecnologia de reboques. Sem emissões, operação em qualquer zona de trabalho graças à unidade elétrica, equipamento patenteado de orientação ferroviária.  Use o Zagro E-Maxi para realizar trabalhos de derivação na ferrovia, operações, transporte público e serviços industriais em trechos de trilhos abertos ou cobertos e de nível uniforme. O motor ferroviário foi projetado para operação combinada com baterias, significa operação livre de emissão CO2 nos trilhos. Fonte: Zargo

Shinkansen diagnóstico avançado - Dr. Amarelo

Imagem
Estação Shinagawa-ku, Tokyo, Dr. Amarelo é o apelido dado ao trem de alta velocidade que só sai na calada da noite, verificando trilhos, alinhamentos, sondagem, trepidação, raios de curvas entre outros atributos. O Japão foi pioneiro nos trens de alta velocidade, conhecido com uma pontualidade invejável em todo mundo. Você pode ver sua câmara digital no nariz da composição, um dos equipamentos embarcados, é raro de detectar esse trem durante o dia, normalmente ele trafega a noite e de madrugada quando o tráfego diminui bastante. Os japoneses gostam tanto do Doctor Yellow que ficam super animados quando conseguem tirar algumas fotos. Fonte: JR

Trem percorre 30 km em 7 minutos - 431 km/h

Imagem
No vídeo abaixo mostra um trem de levitação magnética ou Maglev (Magnetic levitation transport), que faz a ligação de Shanghai até o aeroporto, o trem faz um trajeto que vai da estação Longyang Road em Pudong até o Aeroporto Internacional de Pudong - Shanghai, em um percurso de aproximadamente 30 km. Em uma linha adicional, linhas separadas, facilitam a manutenção do Maglev. O trem leva 7 minutos e 20 segundos para fazer o percurso, a uma velocidade de 431 km/h. é um trem que transita em uma linha elevada sobre o chão e é propulsionado pelas forças atrativas e repulsivas do magnetismo através do uso de super condutores. Devido à falta de contato entre o veículo e a linha, a única fricção que existe, é entre o aparelho e o ar. Por consequência, os trens de levitação magnética conseguem atingir velocidades enormes, com relativo baixo consumo de energia e pouco ruído, sua velocidade em operação chega até 430 km/h ou mais. Fonte: Transrapid/Vídeo SCI

CRH China teste em diversos tipos de clima

Imagem
Um trem CRH é testado em vários tipos de clima antes de entrar em operação. O teste foi executado em uma paisagem coberta de neve no Inter-city linha ferroviária de alta velocidade Changchun-Jilin na China. A construção foi concluída nove meses antes do previsto, e a linha entrou em operação no dia 10 de janeiro de 2011.  Hoje a China é um grande exportador de sua tecnologia sobre trilhos, exportando para diversos países, inclusive para o Brasil. Fonte: CRH

Trem de Alta Velocidade - TGV Duplo Decker

Imagem
Se impressione, mas você verá no vídeo um trem TGV de dois andares, Double Decker, muito lindo e rápido. Uma visão rápida para iniciantes para viajar em um TGV na França alcançando mais de 300 Km /h double-deck de alta velocidade, o TGV Duplex é excelente. Este vídeo mostra primeiro e segundo assento da classe em ambos os decks superior e inferior, o carro café-bar, e explica arranjos bagagem, banheiros, tomadas de corrente e assim por diante. O TGV Duplex mostrado aqui é o de Zurique-Paris 11:34 TGV Lyria-, e é a mais recente geração conhecida como a Euroduplex, equipado de vincular a França com os países vizinhos. Os mais antigos Duplex TGV usados ​​em serviços domésticos franceses, como Paris-Marselha-Cannes-Nice tem decoração interior diferente, mas um layout similar. Outras rotas em que você vai encontrar TGV Duplex em alguns ou todos os serviços incluem Paris-Nimes-Perpignan-Narbonne-Figueres (para o Barcelona), Paris-Genebra, Paris-Stuttgart, Frankfurt-Marselha.

Despache seu carro no trem até sua cidade destino

Imagem
Na Europa existe a possibilidade de colocar na véspera da sua viagem, o seu carro dentro de um trem e no dia seguinte encontrá-lo à sua espera na cidade de destino. Por exemplo, a viagem Paris Marseille de carro dura em torno de oito horas. São oito horas de monotonia, de auto-estradas onde não se vê nada a não ser postos de gasolina. O que faço?  Na véspera da viagem entrego o carro à SNCF, no dia seguinte pego o TGV, faço este mesmo percurso em três horas e quando chego a Marseille, meu carro já está lá me esperando. Para um carro de tamanho médio, o preço deste serviço gira em torno de 250 euros. O que eu iria gastar com gasolina e pedágio seria um pouco menos que este valor. Mas o conforto e a segurança desta viagem de train+auto vale a pena o acréscimo no preço. Fonte: SNCF

Tecnologia sobre trilhos na mobilidade urbana

Imagem
Em vários países do mundo podemos contar com os diversos modais sobre trilhos, os veículos leves sobre trilhos mais conhecidos como VLTs, Trens de alta velocidade, Metrôs, Trens intercidades e Trens metropolitanos. Os transportes sobre trilhos são ideais para grandes centros urbanos pela sua alta capacidade de transportar mais passageiros com menor intervalo entre as composições com muita segurança, graças ao automatismo de segurança embarcado nas composições.  Existe um dispositivo eletrônico que pode detectar qualquer falha antecipadamente na condução ou velocidade das composições freando antecipadamente até sua parada total. Na foto um TGV e um VLT na França. Fonte: TAV Trilhos Foto: Divulgação

Trens de Alta Velocidade o Futuro em Mobilidade

Imagem
A história dos trens de alta velocidade iniciou-se na década de 60, mais precisamente em 1964, quando o Japão inaugurou o primeiro trem de alta velocidade no mundo. No Japão ele é conhecido como trem bala ou shinkansen. A China surpreendeu todo o mundo e hoje já o país com a maior malha ferroviária de alta velocidade do Mundo. A média de velocidade máxima dos trens de alta velocidade está entre 300 à 380 km/h em velocidade de cruzeiro. O recorde de velocidade de um trem de alta velocidade roda trilho, chegou a 574,8 km/h em testes realizados pela empresa francesa Alstom em Paris. Abaixo em um pátio terminal na China, alguns trens da empresa CRH, aguardam instruções do centro de controle operacional para iniciarem o serviço de passageiros. Fonte: Revista Eletrônica de Alta Velocidade

O trem mais rápido do mundo - Bugatti

Imagem
Ettore Bugatti até hoje está associado a carros ultrarrápidos, o próprio Chiron de 1.500 cv é a prova que o sobrenome sobreviveu ao criador. Só que o fabricante também bateu recorde de velocidade nos trilhos, quando criou o trem WR em 1932. A sigla Wagon Rapide não poderia ser mais literal: era um verdadeiro vagão rápido de 21 metros e não uma locomotiva com vários vagões. Era uma proposta de transporte ligeiro ligando um município ao outro. A mecânica era igualmente incomum, fruto do gênio criativo de Ettore, que acumulou mais de 1.000 patentes antes de 1947, quando faleceu. O WR usava quatro motores de Bugatti Royale Type 41, cada um deles com 12,75 litros de deslocamento. O fato é que a crise de 1929 havia derrubado a economia do mundo inteiro e criar trens com a mesma motorização do Royale poderia ser a saída para dar fim aos oito cilindros em linha já produzidos. O WR Bugatti Presidencial foi conservado, mas é o único sobrevivente Foto: Hugh LLewelyn Fonte: Divulgação

Trem AGV Alstom

Imagem
O presidente da marca lendária Ferrari Luca Cordero di Montezemolo, passou a ser entre os acionistas da primeira operadora privada europeia de trens de alta velocidade, Nuovo Trasporto Viaggiatori (NTV), junto com seu amigo Diego Della Valle, proprietário da empresa de bens de luxo Tod. Fundada em 2006 como a União Europeia mudou-se para abrir o transporte ferroviário à concorrência no mercado, NTV investiu € 1 bilhão ($ 1,7 bilhão) para agitar a viagem de trem na Itália, com a promessa de viagens rápidas e serviço de luxo sob a marca Italo a partir de março 2012.

Recorde Mundial de Velocidade - 574,8 km/h - Alstom

Imagem
A Alstom celebrará em 03/04/22, aniversário de 15 anos por ter batido o recorde mundial em trem de alta velocidade, roda trilho. O TGV é o programa emblemático da SNCF, é um trem que reinventou a mobilidade. A França e SNCF fizeram história, estabelecendo um registro de velocidade sinônimo de mobilidade futura e progresso da sociedade. Naquele momento chave, a SNCF contou a história inesquecível do recorde mundial, atingindo os incríveis 574.8 km/h. O registo dos 574,8 Km/h, ocorrido no ponto 194 da Linha de Grande Vitesse. Este registro foi realizado pelas empresas francesas Alstom e da SNCF, no quadro da campanha sobre a excelência francesa de grande velocidade sobre trilhos. Fonte: Alstom

Gare do Oriente - Lisboa Portugal

Imagem
A Gare do Oriente, também conhecida como estação do Oriente em Lisboa, é uma das estações mais bonitas, modernas e importantes da cidade por conectar trens interurbanos, ônibus e metrô. Construída em 1998, com projeto de arquitetura do espanhol Santiago Calatrava, possui serviços expressos para o Norte – direção Porto, Sul – direção Algarve, e Leste – direção Évora, além de também possuir serviços de trem suburbanos com partidas regulares para várias cidades e regiões.  Sendo o principal ponto de partida para diversas direções, inclusive para outros países, também conta com inúmeras outras atrações turísticas e de compras ao seu redor, como é o caso do Centro Comercial Vasco da Gama e o Oceanário. Devido a sua beleza arquitetônica, a estação do Oriente é uma atração turística por si só! E, durante sua viagem por Lisboa, com certeza vai passar ao menos uma vez por ela, portanto, separamos todas as dicas para que você aproveite ao máximo sua passagem por essa estação ferroviária que apre

Trem autônomo com 5G que atinge até 350 km/h

Imagem
A China revelou nessa semana um novo modelo de trem-bala, o Fuxing, que promete ser o primeiro trem-bala autônomo de alta velocidade no planeta. Feito para os Jogos Olímpicos de Inverno, que começam no próximo dia 4 de fevereiro, o veículo atinge uma velocidade máxima de 350 km/h e traz a bordo um estúdio completo de transmissão 5G para os jornalistas que vão participar do evento. "Ter tanta tecnologia avançada reunida nesse trem e apresentá-lo ao mundo mostra os pontos fortes da China em termos de sistema ferroviário”, disse Zhu Yan, vice-diretor do Centro de Pesquisa de Engenharia da Changchun, fabricante responsável pelo veículo autônomo. “Certamente, dará um impulso nas exportações.” O Fuxing possui espaço para 564 pessoas e oito vagões. No entanto, de acordo com a operadora ferroviária estatal da China, o trem-bala autônomo só atenderá com metade da capacidade, em razão das restrições impostas pelo governo devido à pandemia de Covid-19. A função principal do Fuxing é levar os

Em parceria com a Alstom, Siemens e Bombardier, China lança trem que chega até 350 km/h

Imagem
O trem expresso de passageiros que liga Guangzhou a Wuhan na China, inaugurado no sábado, é tipo o trem-bala ligando Rio de Janeiro e São Paulo, com uma diferença importante: ele existe. E, com velocidade média de 350 km/h, é a partir de agora o mais rápido do mundo. O trem de passageiros (que tem velocidade máxima de 394.2 km/h) foi desenvolvido em parceria com empresas estrangeiras como Siemens, Bombardier e Alstom. Os outros trens muito rápidos vão bem mais devagar, segundo os chineses, com velocidade média de 277 km/h (o TGV francês) e 243 km/h (o trem-bala japonês). Quando estive no Japão este ano, me disseram que eles só não fazem algo mais rápido porque não está claro quais os riscos para a saúde dos passageiros, especialmente quem tem marcapasso. Outra coisa importante: quando passa por dentro das cidades, o trem-bala do Japão diminui um pouco a velocidade para fazer menos barulho. Educado, ele. O percurso completo do trem rápido chinês cobre 1.068 Km, e é a primeira parte do p

Eurostar testa identificação biométrica

Imagem
A Eurostar, operadora de trens de alta-velocidade que liga Dover com Paris, Lille e Bruxelas, iniciou testes com sistema de autenticação biométrica facial SmartCheck, permitindo que os passageiros que vão embarcar na London St Pancras International concluam a verificação segura de bilhetes e verificações em seus dispositivos móveis antes da viagem. Os titulares de bilhetes Business Premier e Carte Blanche podem escanear sua documentação de identidade usando um telefone celular antes de chegar à estação e, em seguida, fazer uma breve varredura biométrica de rosto para verificar se são o verdadeiro titular do documento.

Cabine da Automotriz de Grande Velocidade - AGV Alstom

Imagem
O AGV é o trem de altíssima velocidade mais econômico do mercado em termos de custos de consumo de energia e manutenção. O AGV é o primeiro trem de altíssima velocidade da gama Avelia a ser totalmente projetado para um mercado internacional, embora tendo plenamente em conta as preocupações ambientais. Pode ser operado em velocidades de até 360 km/h em total segurança. O AGV combina a filosofia de design bem estabelecida do TGV e 30 anos de experiência tecnológica em ferrovia de alta velocidade com a inovação, composições articuladas, energia distribuída, motores de ímã permanente, frenagem eletrodinâmica com recuperação de energia.

Túnel de vento, neve, granizo e variações de temperaturas nos trens de alta velocidade - Siemens

Imagem
Trem de alta velocidade na Alemanha durante testes de condições meteorológicas extremas no centro de pesquisa Rail Tec Arsenal, em Viena. Como parte de seus testes de segurança, a Siemens, fabricante do trem, comparado a 1.000 horas de serviço operacional em um túnel de vento de 300 metros de comprimento, onde os inspetores independentes expõem um protótipo à chuva, granizo e neve em temperaturas que variam de abaixo de zero para mais de 110 graus Fahrenheit. Preocupações sobre a segurança ferroviária de alta velocidade é uma constante. Fonte: Siemens

Automotriz de Grande Velocidade - AGV Alstom

Imagem
O AGV Automotriz de Grande Velocidade, combina a filosofia de design bem estabelecida do TGV e trinta anos de experiência tecnológica em trens de alta velocidade com inovadora inovação, composições articuladas, energia distribuída, motores de ímã permanente, de travagem com recuperação de energia eletrodinâmica. Ele pode ser operado em velocidades de até 360 km/h em total segurança. O AGV tem carros com maior conforto e maiores janelas no mercado. Um cuidado especial foi tomado para manter o ruído mais baixo possível. O sistema de aquecimento, ventilação e ar condicionado (HVAC) é projetado para oferecer o melhor conforto climático. AGV é totalmente compatível com as ETI para pessoas com mobilidade reduzida. Fonte: Alstom Atinge até 360 km/h

Trem de alta velocidade francês completa 40 anos e se reinventa em modelo mais ecológico

Imagem
O trem de alta velocidade francês, conhecido pelas iniciais TGV, completa 40 anos em 2021, com 3 bilhões de passageiros transportados em quatro décadas.  A companhia ferroviária SNCF aproveitou a data comemorativa para apresentar ao público,  uma maquete em tamanho real do "TGV M", como vai se chamar a versão modernizada do trem de alta velocidade que entrará em circulação em 2024.

Trens de alta velocidade em pátio de manutenção - China

Imagem
A neve geralmente não é um problema para os trens de alta velocidade, eles possuem um verdadeiro aparato que os habilitam trafegar com extrema segurança com esse tipo de clima tão intenso e severo em alguns países mais frios cujo o inverno são mais castigados.  Na foto abaixo trens de alta velocidade em parada temporária em uma estação de manutenção em Hefei, província de Anhui, leste da China. A neve interrompeu o transporte ferroviário em algumas áreas de Anhui. Alguns trens influenciados pela queda de neve costumam fazer parada técnica no pátio de manutenção que fica em Hefei para fornecer energia e proteção ao inverno. Fonte:  Xinhua/Guo Chen