sábado, 2 de agosto de 2014

SNCF sente os efeitos da greve ferroviária francesa

Greves ferroviárias em junho tem sido atribuída a uma queda nos lucros da SNCF, no primeiro semestre de 2014.

Operadora ferroviária nacional da França viu os lucros operacionais em queda de € 229.000.000, dos quais SNCF acredita € 170.000.000 foi perdida durante a ação industrial de junho e o restante o resultado do aumento das taxas de acesso à pista.

O resultado líquido situou-se em € 224, para baixo de € 865.000.000 em 2013. No entanto, o resultado de 2013 foi impulsionado por um off write-back de ativos SNCF Infra.

Volume de negócios do grupo da SNCF aumentou 0,8 %, para € 16 bilhões. Keolis experimentaram o crescimento mais significativo, com o aumento das receitas a nível nacional de 6,8 % e internacionalmente em 14 %.

No entanto, os serviços de TGV e interurbanos continuou a lutar, registrando uma queda de 3,1 % em receita.

Guillaume Pepy, presidente da SNCF, disse: "Enquanto a economia ainda é lento na França, a SNCF mostra a sua capacidade de superar para manter suas margens por meio de constantes esforços para reduzir custos."

Fonte: GRNews