sábado, 11 de agosto de 2018

Renfe cria AVE ‘low cost’ entre Madrid e Barcelona

Recentemente, a Espanha celebrou os 10 anos do muito bem sucedido AVE (trem de alta velocidade) que liga Barcelona a Madri em 2h30. Seria apenas uma noticia qualquer se não viesse acompanhada de uma ótima notícia: a partir do primeiro trimestre de 2019, o novo EVA fará o mesmo trajeto com tarifas 25% mais suaves e algumas frescuras a menos. Em outras palavras, o amado AVE terá uma versão low-cost.

 
Em uma década de funcionamento, os vagões ultramodernos da marca Siemens transportaram mais de 35 milhões de passageiros e fizeram minguar a ponte aérea entre as duas maiores cidades do país. Atualmente, 60% dos viajantes opta pelos trilhos na hora de ir da capital espanhola à metrópole catalã e vice-versa. Os motivos? Indo de trem, você elimina o perrengue dos controles de segurança (cada vez mais chatos) dos aeroportos; sai do centro e chega no centro; viaja em uma poltrona muito mais espaçosa e vai vendo a paisagem. Ainda que um voo de Madri a Barcelona dure apenas 50 minutos, somados os deslocamentos e o drama aeroportuário, a viagem acaba demandando pelo menos 4 horas (contra 2h30 de trem). Fonte: Viagem