terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Alguns países estão interessados no TAV Brasil

Países como França, Alemanha, Canadá, Coreia e Japão confirmaram nos bastidores que estão no páreo para concorrer, uma novidade aceita pela ANTT, será a possibilidade da Tecnologia conhecida como MagLev concorrer ao leilão, esta tecnologia permite a movimentação do trem por levitação magnética.

O leilão público pela concessão para operar o trem de alta velocidade entre Rio de Janeiro e São Paulo será realizado em setembro de 2013. EFE/Arquivo

A ligação entre o Rio e São Paulo é só o primeiro passo, existem estudos para outras ligações como Belo Horizonte/São Paulo/Campinas entre outras.

O TAV Brasil poderá alcançar a velocidade de 350 km/h, desafogará as rodovias e aeroportos, possibilitando mais opções para os passageiros.

O governo federal está trabalhando para revitalização das ferrovias, oferecendo melhor logística para nossa produção.

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

O nosso Trem de Alta Velocidade - TAV Brasil

O Brasil está prestes a entrar na elite dos países que podem contar com o Trem de Alta Velocidade, seu deslocamento em média de 300/350 km/h,  ligará as cidades do Rio de Janeiro, São Paulo e Campinas.
Tirando o tempo que se leva nos aeroportos para embarcar, bagagens é possível que o Trem de Alta Velocidade consiga chegar ao destino com tanta ou mais rapidez que os aviões.

Foto: SUPERINTERESSANTE

Como o embarque é mais simples e muito mais rápido, será possível embarcar com muita comodidade e sem perda de tempo.

Uma das vantagens do Trem de Alta Velocidade será suas conexões com trens regionais, metrôs, vlts, facilitando e muito o deslocamento dos passageiros.

Não podemos esquecer também que o Trem de Alta Velocidade é movido a energia elétrica não poluente, trazendo enormes benefícios ao nosso planeta.

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

As vantagens do Trem Bala no Brasil

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) marcou para setembro de 2013 o leilão do Trem de Alta Velocidade. O trem vai ligar o Rio de Janeiro a São Paulo e Campinas. As empresas interessadas em construir e operar o trem-bala devem enviar até o dia 13 de agosto as suas propostas.

O prazo de concessão vai ser de 40 anos. O presidente da Empresa de Planejamento e Logística, Bernardo Figueiredo, esteve nos estúdios da TV NBR e explicou como vai funcionar e as vantagens do trem-bala no Brasil.

Shinkansen. Passando em alta velocidade


Caberá à Empresa de Planejamento e Logística (EPL) :

- acompanhar a elaboração de estudos de viabilidade técnica e de engenharia que anteciparão a fase de implementação;
- atuar como sócia na concessão do TAV, garantindo a absorção e difusão de novas tecnologias. De acordo com o edital, a EPL passa a ter participação de 45% na Sociedade de Propósito Específico (SPE), formada com o consórcio ou empresa vencedora do leilão;
- coordenar, executar, fiscalizar e administrar obras de infra e superestrutura;
administrar e explorar o patrimônio  relacionado ao TAV, quando couber;
- promover a certificação de conformidade de material rodante, infraestrutura e demais sistemas a serem utilizados com as especificações técnicas de segurança e interoperabilidade do setor;
- promover a desapropriação ou instituição de servidão dos bens necessários à construção e exploração de infraestrutura;
- administrar os programas de operação da infraestrutura ferroviária de alta velocidade nas ferrovias outorgadas à EPL;
- obter licenciamento ambiental;

A implantação do TAV no Brasil integra a retomada de investimentos federais no modal ferroviário. O sistema representa um novo marco para o transporte de passageiros no País e foi incorporado ao PAC. 



domingo, 3 de fevereiro de 2013

Trem de Alta Velocidade - Espanha

Os trens de alta velocidade Alaris são modernos e de alta qualidade, ligando importantes cidades na Espanha. Na Europa podemos utilizar este tipo de transporte em vários países.
O centro de conexões também do sistema AVE em Madri é a estação ferroviária Puerta de Atocha. A linha Madri - Valladolid parte da Estação Chamartín. Em Barcelona os trens AVE partem da estação Barcelona Sants.

Rotas Alaris

Os trens Alaris estão em operação na rota:
  • Madri - Valência - Castelló
Os trens Altaria operam nas seguintes rotas:
  • Madri - Sevilha - Cádiz
  • Madri - Sevilha - Huelva
  • Madri - Barcelona
  • Madri - Pamplona
  • Madri - Alicante
  • Madri - Córdoba - Algeciras
  • Madri - Huesca
  • Madri - Pamplona
  • Madri - Logroño
  • Madri - Múrcia - Cartagena


sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Futuras linhas do Trem de Alta Velocidade, estudos de implantação em andamento

                        

                                  TAV Belo Horizonte - Curitiba 

Consta no Plano Nacional de Viação a construção de uma Linha de Alta Velocidade entre as cidades de Belo Horizonte e Curitiba, passando por Divinópolis, Varginha e Poços de Caldas, no estado de Minas Gerais, Campinas, São Paulo, Sorocaba, Itapetininga e Apiaí, no estado de São Paulo, e Curitiba, no estado do Paraná. Esta Linha teria 1.150 quilômetros de extensão, aproximadamente o dobro da Linha entre o Rio de Janeiro e Campinas, que passará por São Paulo, e ligaria mais de 50% de toda a produção econômica e aproximadamente mais da metade de toda a população do País. Esta Linha tem previsão de início após o término da Linha entre o Rio de Janeiro, São Paulo e Campinas.


TAV Brasília - Goiânia
Noticiado em setembro de 2009, o projeto prevê uma linha de cerca de 210 km, com trens a uma velocidade variante de 180 km/h a 200 km/h. O percurso vai de Brasília a Goiânia com uma única parada em Anápolis. Seu objetivo é desenvolver a área entre as duas capitais e criar empregos às margens da ferrovia, além da integração das duas áreas metropolitanas, unindo uma região de cerca de 7 milhões de habitantes. Será usado tanto como cargueiro como no transporte de passageiros, o trajeto será feito em aproximadamente 1 hora e 30 minutos. O custo será em torno de 1 bilhão de reais.
Em junho de 2012, foram iniciados estudos que apontarão a viabilidade de uma futura linha no mesmo trajeto, a qual no entanto seria de média velocidade, atingindo uma velocidade máxima de 150km/h e reduzindo a duração do percurso entre as duas capitais em cerca de uma hora, quando comparado ao trajeto rodoviário. Além disto, seriam servidas as cidades de Anápolis (a segunda mais populosa de Goiás) e Alexânia. A obra demandaria um investimento de aproximadamente 700 milhões de reais. 
                               TAV Campinas - Triângulo Mineiro
Há um estudo do Governo Federal para a linha que ligará Campinas a Uberlândia. 
                                           Ficheiro:TAV2.png
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...