terça-feira, 22 de agosto de 2017

Israel testa o trem rápido Jerusalém -Tel Aviv

O primeiro teste que vai ligar as cidades de Jerusalém e Tel Aviv, o trem rápido Jerusalém-Tel Aviv fez seu primeiro teste, um tempo da viagem carregado foi de 28 minutos. A abertura oficial do novo trem rápido, se deslocando através de uma pequena parte do território palestino ocupado da Cisjordânia. O objetivo desta primeira viagem com um trem com o dobro de vagões e carregado, assim pesando um total de 1.200 toneladas, é para testar as pontes, trilhos e fortalecer e estabilizar o concreto e estradas. 


O trem irá continuar os testes entre as duas cidades durante as próximas semanas. Se tudo correr bem, a linha será aberta para os passageiros em abril próximo. Fonte: Rail Preee Foto: Ynhockey


A China conquistará mais uma vez o título do trem mais rápido do mundo

A China procura manter-se globalmente em seus serviços ferroviários e vender seus trens de alta velocidade e como parte da "Belt and Road Initiative", decidiu relançar o serviço de trem mais rápido do mundo. O site controlado pelo governo Thepaper.cn informou que sete pares de trens de alta velocidade estarão operando sob o nome "Fuxing", o que significa rejuvenescimento, de acordo com o South China Morning Post . 


Os trens chegarão mais uma vez à 350 km/h, com uma velocidade máxima de 400 km/h (248 mph). É relatado que o serviço ferroviário contará com um sistema de monitoramento que irá diminuir automaticamente os trens em caso de emergência.

A linha Beijing-Shanghai começará a operar em 21 de setembro e encurtará a viagem de quase 820 milhas por uma hora, a quatro horas trinta minutos. Cerca de 600 milhões de pessoas usam essa rota todos os anos, fornecendo um lucro líquido de US $ 1 bilhão. Outras rotas incluem Pequim-Tianjin-Hebei, que começará a operar hoje, 21/8/17.


A China colocou mais de 12.400 milhas de trilho de alta velocidade até o momento, com a intenção de adicionar mais 6.000 milhas até 2020. Segundo a Associated Press, o país gastou US $ 360 bilhões na construção da rede de trens de alta velocidade, criando o maior no mundo. Fonte: Fortune


quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Trens com tecnologia pendular avançando na Europa

Um estudo para implantação para uma rede ferroviária de alta velocidade que liga Auckland, Hamilton e Tauranga foi revelado pelo grupo de transporte, Greater Auckland, que quer o apoio do governo. Será investido US $ 400 milhões em 17 trens de alta velocidade que poderiam viajar 160 km/h em trilhos existentes e ampliar o serviço para o sul até Te Kuiti. 


A etapa final do projeto, trazendo o gasto total para US $ 1,45 bilhões, adicionaria mais 15 trens e se expandirá para Rotorua, Cambridge e Te Puke. "Estas são economias crescentes, esses serviços são uma necessidade real, e há uma população crescente".

Reynolds disse que mais de metade da população do país vivia na área triangular atendida pelo plano, e 70 por cento do crescimento da população futura estarão lá. "Não se trata apenas de começar a trabalhar em Auckland ou Hamilton, mas as viagens intra-regionais também". Fonte: Radionz


sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Acela - Amtrak 2017

O Acela da Amtrak, é um trem de alta velocidade americano que atinge 250 km/h, liga as cidades de New York à Boston. Com conforto superior, amenidades de luxo, serviço profissional polido, a velocidades de até 250 km/h, é uma alternativa cada vez mais utilizada nos transportes de passageiros na América do Norte.


O Acela Express oferece um serviço de hora em hora para o centro durante o pico da manhã e da tarde, horário de pico entre Nova York, Washington, DC, Baltimore, Filadélfia e outras cidades intermediárias, assim ida e volta entre Nova York e Boston. Fonte: Amtrak


domingo, 6 de agosto de 2017

Trens regionais e intermunicipais na Noruega

A principal rede ferroviária da Noruega é composta dos seguintes trens regionais e intermunicipais: Trens Lokal são trens regionais de 2ª classe que percorrem distâncias curtas. Operam em várias rotas, ligando cidades maiores com as cidades vizinhas.


Trens NSB Regiontog (intermunicipais) operam entre as cidades maiores, como Oslo, Bergen, Stavanger e Trondheim. São trens muito confortáveis​​, que percorrem várias rotas panorâmica, como as ferrovias Bergen e Rauma. Esse trem também cobre a rota internacional de Oslo a Gotemburgo (Suécia).

O trem de alta velocidade SJ oferece uma conexão rápida que liga Oslo com Estocolmo, a capital sueca. Esse trem é operado pela companhia ferroviária sueca SJ. A ferrovia Flåm (Flåmsbana) é um trem panorâmico que viaja de estação de montanha de Myrdal até Flåm, 865 metros acima, nas margens do Sognefjord. Fonte: Divulgação


quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Trem Hyperloop passa de 300 km/h em seu teste mais rápido

A Hyperloop One está mais próxima de entregar o que chama de trem de velocidade ultrassônica. A companhia anunciou que, no último dia 29, seu protótipo atingiu, com sucesso, a marca de 192 milhas por hora (308 km/h) ao passar por um tubo de 500 metros no deserto de Nevada, Estados Unidos. Trata-se do teste de maior velocidade feito até então, segundo a companhia. 


O sistema utiliza um tubo que foi despressurizado ao equivalente a 200 mil pés acima do nível do mar (cerca de 60 km). Apelidado de XP-1, o veículo deslizou acima da pista usando a técnica de levitação magnética, o que limita o efeito aerodinâmico e teoricamente permitiria superar uma velocidade de 1220 km/h.

Construído em alumínio estrutural e fibra de carbono, o trem futurista possui 28 metros de comprimento. Comparado ao primeiro teste do sitsema completo feito em maio, o mais recente representou um grande avanço. O pod alcançou velocidades 2.7 vezes mais rápida e experimentou 3,5 vezes mais cavalos de potência. 

O Hyperloop foi proposto em 2013 por Elon Musk, CEO e fundador da Tesla e SpaceX. O executivo tornou sua pesquisa pública para que terceiros pudessem avançar o conceito. Na ocasião, muitos disseram se tratar de um projeto futurístico e irreal. A Hyperloop One é uma das três startups que tem concentrado esforços para levar adiante a proposta. No futuro, espera-se que o hyperloop transporte pessoas, veículos e cargas.

Em um comunicado, o dono do Hyperloop One, Shervin Pishevar, não foi modesto ao descrever o transporte: "Quando você ouve o som do Hyperloop, você ouve o som do futuro". Fonte: Hyperloop



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...